Conta uma lenda que um viajante faminto, sem ter nada para comer, teve uma ideia. Pegou uma pedra na beira de um rio, limpou-a bem e entrando em uma aldeia, bateu à porta de uma casa que parecia ser de um agricultor e, quando o dono da casa abriu a porta ele disse: “Bom dia, meu senhor. Sou um viajante e tenho comigo uma pedra mágica que é capaz de fazer a melhor sopa do mudo. Quer provar”?

O dono da casa, curioso e querendo provar a sopa da “pedra mágica” convidou o viajante para entrar e cedeu-lhe uma panela grande com água e um pouco de sal. Quando a água começava a ferver o viajante disse: “Está ficando bom, mas ficaria ainda melhor colocando umas batatas.” Ao que o agricultor disse: “Não seja por isso, eu sou agricultor e tenho muitas batatas.” E assim o viajante foi pedindo e colocando aos poucos na panela, cenouras, couve, cebola, feijão, alguns pedaços de linguiça, carne e outros ingredientes.

Quando a sopa ficou pronta, os dois se sentaram à mesa e comeram a sopa que havia ficado uma delícia. O agricultor exclamou: “Você tinha razão, essa é a melhor sopa que já comi até hoje, essa sua pedra é realmente mágica”. Terminaram a refeição e ao se despedirem, o agricultor reparou que o viajante havia retirado a pedra da panela e guardado na sua mochila. O agricultor perguntou: “Você não quer me vender essa pedra mágica?” E o viajante respondeu: “Não, preciso guardá-la para fazer outra sopa amanhã!”

Essa lenda me faz pensar que hoje vemos algo muito parecido na cristandade. A Palavra de Deus atualmente está tão deturpada, modificada, adaptada e diluída que nem conseguimos mais reconhecer o puro e simples Evangelho da Graça de Deus (Atos 20:24). Foram acrescentadas tantas coisas às reuniões da Igreja em assembleia que a pura e sã doutrina ficou escondida sob uma camada de alegorias e invenções humanas que não tem absolutamente nada a ver com o que nos ensina a Palavra de Deus.

“Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; e desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.” – II Timóteo 4:3-4

Voltarmo-nos com seriedade e dedicação para a Palavra de Deus fazendo o que faziam os bereanos (Atos 17) é de extrema importância para que nos mantenhamos firmes em Cristo. Devemos fazer com que tudo, absolutamente tudo o que vemos e ouvimos seja “filtrado” pela Bíblia. Precisamos estar atentos para separar o que é a verdadeira vontade do Senhor e o que é invenção humana dissociada da ordem de Deus.

“Por isso também na Escritura se contém: Eis que ponho em Sião a pedra principal da esquina, eleita e preciosa; e quem nela crer não será confundido. E assim para vós, os que credes, é preciosa, mas, para os rebeldes, A pedra que os edificadores reprovaram, Essa foi a principal da esquina, e uma pedra de tropeço e rocha de escândalo, para aqueles que tropeçam na palavra, sendo desobedientes; para o que também foram destinados.” – I Pedro 2:6-8

Jesus Cristo é a pedra na qual todo o edifício de Deus – a Igreja – cresce para templo santo no Senhor (Ef 2:21) e é nEle que devemos estar firmados. Assim como o viajante da lenda encontrou na pedra a solução para a sua fome, é unicamente em Cristo que temos o caminho, verdade e vida.

Vivemos focados nas coisas que fazemos enquanto deveríamos estar mais interessados no que Cristo fez. Leitura, estudo da Bíblia e oração firmes e constantes são o verdadeiro alimento do cristão assim como fazer a vontade do Pai era o alimento do Senhor: “Jesus disse-lhes: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra.” – João 4:34

Fortaleçamo-nos na pessoa de Cristo. Firmemo-nos na rocha. Dediquemo-nos à leitura e estudo sistemático da Palavra de Deus e à oração persistente. Nada vale mais a pena.

Germano Luiz Ourique

.

Condições de uso: Os textos do blog Leia a Bíblia podem ser copiados e utilizados livremente em correspondência, escolas, blogs e sites pessoais. Vedada a reprodução por empresas, igrejas, veículos de comunicação corporativos e programas de rádio/TV. Favor citar a fonte.

.

Comentários: Fique à vontade para comentar. Serão publicados os comentários com base bíblica e fundamentação lógica. Opiniões, questões doutrinárias, citações pessoais, assuntos fora do texto bíblico, comentários sem base bíblica, textos copiados de outros sites e blogs bem como assuntos fora do tema do blog e links externos serão deletados. O assunto aqui é SÓ A BÍBLIA ou assuntos diretamente relacionados ao texto bíblico. Obrigado por comentar.

Germano Luiz Ourique


Comente!

(*)Campos de preenchimento obrigatório