No capítulo 20 de Mateus você encontra Jesus e seus doze discípulos indo a Jerusalém. Ele chama os discípulos em particular para lhes revelar algo, mas o que diz não é novidade. É a terceira vez neste evangelho que ele diz que vai a Jerusalém para ser entregue aos chefes dos sacerdotes e aos mestres da lei de Deus, para ser condenado à morte e entregue aos romanos para ser humilhado, açoitado e crucificado.

Muita gente pensa que a Bíblia é um livro de instruções. Algo do tipo “o que devo fazer para ir para o céu”. O tema central da Bíblia não é você e nem o que deve fazer. A Bíblia inteira fala de Jesus e do que ele fez. O tema central e recorrente da Palavra de Deus é Jesus, sua morte e ressurreição. É para isso que ele explica que está indo a Jerusalém. Foi para isso que ele veio ao mundo.

Quando o apóstolo Paulo explicou o que é o evangelho em sua carta aos cristãos de Corinto, na Grécia, ele resumiu assim: “Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras”. Continue lendo »


O que significa 666 ?

A Bíblia só diz que é o número de um homem: Apocalipse 13:18 – “Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis.”

.

Qual á função da mulher? E o ide é pra mulheres também? De q forma?

Leia o post que explica detalhadamente este assunto: O Papel das Mulheres no Plano de Deus

.

Então Deus mesmo escreveu os 10 mandamentos? Existe outra passagem que o próprio Deus tenha feito isso? Se com seu próprio dedo Ele escreveu, o sábado não tem valor nenhum mais então, logo o que Deus escreveu n tem mais valor?

Então Deus mesmo escreveu os 10 mandamentos?

  1. Sim.

Existe outra passagem que o próprio Deus tenha feito isso?

  1. Sim. Daniel 5:5.

Se com seu próprio dedo Ele escreveu, o sábado não tem valor nenhum mais então, logo o que Deus escreveu n tem mais valor?

  1. Não, não tem mais nenhum valor prático para nós hoje. Até porque o que Deus escreveu lá no Sinai foi só para os judeus.

Continue lendo »


No final do capítulo 19 de Mateus os discípulos perguntam o que ganharão por terem deixado tudo para segui-lo. Ele promete que os que abrissem mão de tudo para segui-lo receberiam cem vezes mais, além da vida eterna. Certamente Deus tem uma recompensa para a fidelidade que vem depois de crer em Jesus. Afinal, como você poderá segui-lo se não crer nele?

Porém Jesus alerta que muitos primeiros serão últimos e muitos últimos primeiros, e no capítulo 20 ele mostra o contraste entre justiça e graça usando uma parábola. Agora o reino dos céus é comparado a um empresário que contrata diaristas para sua vinícola. Para os primeiros, que começam a trabalhar, digamos, às seis da manhã, ele combina pagar uma moeda de prata, e eles concordam. Era o salário mínimo suficiente para a cesta básica.

À medida que o dia passa, ele contrata outros sem combinar o valor. Diz apenas que lhes pagará o que for justo. Portanto, apenas os primeiros tinham, por assim dizer, um contrato verbal e formal determinando o valor a receber. Continue lendo »


Depois da conversa com o jovem milionário do capítulo 19 de Mateus Jesus explica que dificilmente um rico poderia entrar no reino dos céus, e continua explicando que é mais fácil passar um camelo pelo buraco de uma agulha do que um rico entrar no reino dos céus.

Alguns dizem que camelo é camelo mesmo, outros dizem que é uma corda de amarrar navios. A agulha é às vezes interpretada como agulha de costura e outras como uma pequena porta na muralha. Seja o que for Jesus deixa bem claro que está falando de algo que é impossível aos homens.

Para os discípulos aquilo era um choque. No Antigo Testamento Deus prometia abençoar com prosperidade e riquezas os obedientes, e agora ele diz que a prosperidade é um empecilho à bênção e salvação. Como pode ser? Simples. O rico tende a fazer da riqueza o seu deus.

Qualquer coisa pode ser um deus, e o homem moderno não é nem um pouco menos idólatra do que os antigos que adoravam ídolos de pedra. Se você acha que não pode viver sem alguém, essa pessoa é seu ídolo. Se você acredita que não poderá ser feliz sem aquele carro novo, aquele é seu ídolo móvel. Se você depende da conta bancária para se sentir seguro e realizado, seu deus é Mamom, o dinheiro. Continue lendo »