II Coríntios 6:14 declara: “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?” Enquanto esta passagem não menciona especificamente o casamento, certamente tem implicações para o casamento. A passagem continua dizendo: “E que concórdia há entre Cristo e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel? E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Por isso saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; E não toqueis nada imundo, E eu vos receberei” (II Coríntios 6:15-17).

A Bíblia continua dizendo: “Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes” (I Coríntios 15:33). Ter qualquer tipo de relacionamento íntimo com um incrédulo pode rapidamente e facilmente se tornar algo que obstrua sua caminhada com Cristo. Somos chamados a evangelizar os perdidos, não a sermos íntimos com eles. Não há nada errado em construir amizades de qualidade com os incrédulos, mas isto é o máximo que se pode fazer. Se você estivesse namorando um incrédulo, como vocês dois poderiam cultivar intimidade espiritual dentro do casamento? Como um casamento de qualidade poderia ser construído se vocês discordassem no assunto mais importante do universo: o Senhor Jesus Cristo?

Fonte: http://www.gotquestions.org/Portugues/casar-se-nao-crente.html

Deus os abençoe a todos.

A Paz de Cristo!

Germano Luiz Ourique


Comentários:


  1. Dani Felix disse:

    Isso é verdade e concordo por isso quando oro a Deus pedindo meu varão quero só cristão para não ocorrer de ter um casamento onde eu e ele não iremos ser felizes e não ter Deus no centro ^^

  2. Júnior disse:

    Disse bem, mais também tem um contexto em cor. que diz que o homem com sua boa conduta pode ajudar a salvar sua mulher e visse e versa. se VC tem uma esposa ou esposo não cristão ore para que Deus possa salva-lo. e não só em cor fala sobre isso. abraço;-)

  3. Júnior disse:

    E quando paulo fala sobre o julgo desigual ele dar um conselho e não uma regra.

  4. felipe disse:

    é verde isso esta acontecendo em minha igreja
    mais concerteza vou estar orando por esse casal!!!

  5. Willian Rocha disse:

    Acordei hoje com essa palavra em minha cabeça, e tenho certeza de que Deus quis falar algo comigo sobre isso. Fico Feliz por ainda existirem pessoas de fé no Deus vivo, verdadeiro, e único, Dispostas a comentarem sobre as verdades de Deus, e nos ajudar com algo que precisamos ouvir “ler”. Valeu!

  6. Franklin disse:

    Vejo que as igreja de um modo geral,tem preconceitos em relação a namoros e casamentos com pessoas não evangelicas,por que nem todos são uma “RAPOSINHA”,na vida daqueles que servem a Deus.Nem na igreja os namoros e casamentos estão se salvando,é preciso olhar para os dois lados da “MOEDA”,pq a Biblia fala que os filhos das trevas são mais prudentes que os filhos da luz?é Preciso rever esse conceito,namorar ou casar com uma pessoa só pq é impia não siginifica que levará a outra pelo mesmo caminho,existe diversos casos que conheço e que tem dados bom resultados.Namorar pessoas evangelicas só pra dizer que:SERVEM AO MESMO DEUS” ,isso também não significa nada,passei por uma experiencia dessa e vi e comprovei que nem tudo que parece ser bonito na casa do Senhor é coisa boa.Então vê se para de olhar como fariseu e veja como os olhos de Jesus as qualidades,pois isso conta muito também.Abraços.

  7. germano disse:

    Franklin,
    Não se trata de igrejas e muito menos de preconceito ou pessoas evangélicas. Trata-se do que está na Bíblia, que é muito clara com relação a esse assunto. Estamos falando de cristãos – seguidores de Jesus Cristo. Estamos falando de pessoas salvas e não salvas, de crentes e infiéis. O post não menciona uma vez sequer a palavra igreja.
    Desconheço totalmente qualquer passagem bíblica afirmando “que os filhos das trevas são mais prudentes que os filhos da luz”. Gostaria que você indicasse o Livro, capítulo e versículo onde está essa passagem. E se precisamos rever algum conceito, são os nossos confrontando-os com o que está na Bíblia, pois a Palavra de Deus é soberana como regra de fé e prática. E, por fim, o que conta é fazer a vontade do Pai, conforme disse Jesus Cristo em Mateus 7:21 – “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.”
    Não existe “evangelho adaptado” às nossas vontades ou necessidades. Ser cristão é seguir a Jesus Cristo e obedecê-Lo. Leia a Bíblia, estude a Palavra de Deus.

  8. Franklin disse:

    Então leia já que desconhece essa passagem:A biblia diz Lucas, 16 – 8. QUE os FILHOS DAS TREVAS SAO mais prudentes que os filhos da luz….

  9. germano disse:

    o que está escrito é: Lucas 16:8 – “E louvou aquele senhor o injusto mordomo por haver procedido prudentemente, porque os filhos DESTE MUNDO são mais prudentes NA SUA GERAÇÃO do que os filhos da luz.”

  10. andréa disse:

    estou para contratar ou não um funcionário não cristão, ele é umbandista, tem um centro espirita de. Isso seria um julgo desigual? Deus me olharia contrariado. Fico na dúvida pois na biblia diz também que quem precisa de médico são os oentes. O que faço, estou muito angustiada, não gostaria de fazer nada que Deus não aprovasse.

  11. germano disse:

    Andréa,
    Isso é jugo desigual.

  12. Fernanda disse:

    Irmãos, na minha opinião uma das grandes falhas é justamente o que está acontecendo aqui… por estarem discutindo sobre um assunto esqueceram de outros também importante e super simples, que é saber falar com calma, vigiar na forma e palavras que são ditas, pois o objetivo é “discutir” no sentido de expor diversas opiniões, e a partir dessa cada um poder melhor refletir sobre suas próprias opiniões e atitudes, afinal, nada é tão bom que não possa melhorar, portanto o intuito creio eu que não é competir ou criar desavença!

  13. lais Francine disse:

    Acredito que depende de como você ler, si este dia vc estiver cheio do Espírito Santo, tais comentários não irá provocar ira nos leitores, levando discussão inúteis. Que Cristo esteja com você e pedir sempre orientações ao Espírito Santo antes de qualquer coisa. A paz do Senhor esteja com vocês.

  14. Franklin disse:

    Uma verdade é certa jugo desigual está até nas igrejas,as vezes olha pra aquele(a) moço(a) e diz:”Meu Deus que pão”,mas esquece de orar e pedir a Deus uma direção,aí quando vai ver é um laço pra te derrubar,nem tudo que está dentro da casa do Senhor é coisa boa,e nem tudo que está no mundo é ruim,o que falta nos jovens de hoje é dicernimento espiritual,se bem que são poucos os que realmente fazem isso,espero alertar os colegas e as colegas,para não arrumar porcarias que se encontra no meio da igreja.Agora faço uma pergunta a vcs,caso Deus prepare pra vcs uma pessoa não evangelica com o intuito de que atraves de vcs aquela pessoa possa aceitar a Jesus,vcs rejeitarão esse moço(a)?

  15. Angeline disse:

    A bíblia não diz que o fiel é alguém que está na igreja. Ser fiel significa estar em Cristo, ser imitador de Jesus. É por isso que muitas pessoas acham que namorar alguém da igreja é o suficiente, o correto. Mas o que um servo de Deus deve fazer, entes de tudo, é orar e entregar todas as áreas da sua vida a Ele, inclusive a vida sentimental. Para estes o Deus reserva alguém que serve a Ele e não, simplesmente, à igreja.
    Com relação aos que já estão casados, a bíblia aconselha a não se separarem, pois um pode ganhar o outro para o reino de Deus.

  16. Débora disse:

    Olá, sou católica e namoro um evangélico há 4 anos e 4 meses. Ele sempre me citou essa passagem para justificar o fato dele querer me levar para a igreja dele, porém fui pesquisar o verdadeiro significado de “julgo” e descobri que nessa passagem o apóstolo Paulo não se refere ao matrimônio e sim ao pecado. Se formos atrás de outros versículos que o apóstolo Paulo cita “julgo” ele se refere a escravidão do pecado. Portanto, na minha interpretação, em nenhum momento o apóstolo Paulo nos deixa o mandamento de não casarmos com pessoas não cristãs.

  17. germano disse:

    Débora,
    O jugo desigual se refere a uma pessoa convertida, que entregou a sua vida a Jesus Cristo aceitando-o como Senhor e Salvador, ter comunhão (qualquer tipo de comunhão) com pessoas não salvas. Isso não tem nada a ver com igrejas, religião ou escravidão do pecado. Se vocês são namorados já há 4 anos e 4 meses, leiam a Bíblia juntos, estudem a Palavra de Deus. Busquem, através da oração, a orientação do Espírito Santo de Deus. Deus os abençoe. Paz! :)

  18. Bárbara M. disse:

    Jesus quando veio ao mundo não disse ” amar a Deus sobre todas as coisa e seguir tal igreja”, que tipo de cristão é esse que abre mão de um amor, de um afeto em nome de Deus? Que Deus é esse que vocês servem minha gente? Meu Deus é muito bom e generoso, não punirá um casal com a infelicidade por não estarem debaixo do mesmo teto de um templo, até por que ele não criou templo nenhum, não se esqueçam que quem criou a religião foi o homem! Que cristão é esse que só quer provas fáceis e desiste de uma situação como essa? O que importa é o amor, ninguém é melhor ou pior por estar em determinada religião, temos que ter pena é dos que não conhecem Deus e não dos que estão na igreja ao lado! As diferenças que podem aparecer devem ser tratadas com maturidade, com conversa… E ter a certeza de que não somos todos iguais, sendo assim podemos encontrar e sentir Deus em lugares diferentes e que ele nos ama da mesma forma, ninguém é mais privilegiado do que o outro (Deus é justo, não esqueçamos disso), Se você namora uma pessoa de outra religião… Continue namorando, tenha maturidade para encarar as diferenças e seja muito feliz! Deus não deve ser motivo de separação… E sim de união!
    Deus é incrível!

  19. Bárbara M. disse:

    Jesus disse: “Meus discípulos serão reconhecidos por muito se amarem.” Toda religião é boa, se orienta a
    pessoa a ser mais fraterna com os seus semelhantes, e se for praticada com
    sinceridade e comprometimento.
    Namorei por 6 anos e 5 meses, depois que meu namorado (ex) começou a frequentar uma igreja evangélica ele terminou comigo por achar que não seriamos felizes… Se você quer tentar mudar a religião da pessoa que você namora, não é com
    palavras que vai conseguir. O exemplo de renovação interior, de coerência na
    busca dos valores espirituais é que poderão fazer alguma diferença.

  20. germano disse:

    Bárbara,
    Um cristão verdadeiro abre mão de qualquer coisa em nome de Deus. E não há “esse” Deus e o “seu” Deus. Só há Deus, conforme Isaías 45:22 – “Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque EU SOU DEUS, E NÃO HÁ OUTRO.” Leia a Bíblia, estude a Palavra de Deus. Ore muito. Nenhuma religião é boa. Se assim fosse, Jesus teria sido religioso. E Jesus odiava os religiosos. Olhe para Jesus. ELE tudo pode. :)

  21. Cavalcante disse:

    O fato é que quando um pessoa está casada tudo bem, A Palavra declara que realmente tem permanecer no casamento, mas quando um pessoa é cristã e a outra não é, não tem porque um Pastor realizar a cerimônia. E além do mais, em qual argumento será levado o não cristão ao altar? Apenas por ritual? Sendo assim as promessas e a aliança que será feita perante Deus e os homens não terá significado, será também um ritual para o não cristão.

  22. susana disse:

    Ola a todos antes de mais é sempre interessante ver pontos de vista diferentes e vidas completamente diferentes trabalhadas pelo nosso pai.
    Bom queridos irmãos neste momento da minha vida encontro-me com um rapaz que não é crente tentamos nao falar de religião mas ele quis que eu visse uns videos para pedir a minha opinião. Critiquei tudo à luz da biblia. Ja namorei com dois rapazes um crente mas nao envangelico e um nao crente. Cada m seguiu a sua vida e apesar de discossões iniciais hoje somos amigos e sempre que necessitam de apoio sou quase a primeira pessoa a quem recorrem. Em relação a este rapaz gosto dele, mas decidi pesquisar sobre o Julgo desigual. Ele perguntou-me se iria acabar com ele nesse momento, disse-lhe que nao. Porque a meu ver apesar de estar ja a namorar com ele, poderei ser uma mais valia na sua vida. Em relação a casar … bom…acho que necessito da vossa opiniao porque apesar de ser um mandamento biblico sinto que ainda sou bastante nova e ha ainda uma serie de etapas pessoais que desejo realizar. bom…deixem a vossa opinião .

  23. Ramon disse:

    Olá! Fui a um casamento recentemente e ouvi falar sobre essa expressão “jugo desigual”. Adianto que não sou religioso nem nada, mas esse conceito me chamou a tenção e pesquisando a origem disso vim parar neste post.
    Assim, resolvi expor a minha opinião, que é bem diferente das demais, porém, admitindo que este espaço é exatamente pra isso, sem a intenção de ofender ninguém.

    Ao ler os comentários confesso que fiquei bastante desapontado com as ideias de muitos.
    Onde já se viu usar um conceito como “jugo desigual” como base para decisões do tipo de “quem devo contratar”, sob o medo de “estar irritando a Deus”? (como assim?! – não sei porque mas isso me lembra algo como preconceito e discriminação)
    Ou melhor, afirmar que “a Palavra de Deus é soberana como regra de fé e prática” – ou seja, o que está na bíblia é indiscutível. O que ali está – na bíblia – é obra de alguém, escrita a alguns milênios, em idioma bem diferente de português, em contexto bem diverso do atual. Tal texto chega hoje em nossas mãos após milênios de traduções – corretas ou nem tando – manipulações e interpretações das mais diversas, sob os mais escusos interesses.
    Assusta-me a falta de racionalidade de quem prefere ler um livro antigo e admiti-lo como verdade única do que pensar com sua própria cabeça.
    Concluí, com base em meus próprios pensamentos, que talvez o conceito “jugo desigual” tenha muito mais a ver com alienados e alienadores do que com qualquer outra coisa.

  24. germano disse:

    Ramon,
    E se Deus estiver certo e a sua opinião errada? É uma possibilidade lógica, não é mesmo? Pense nisso com a sua própria cabeça. E leia a Bíblia. Você nem imagina o que está perdendo. :)

  25. Ramon disse:

    Sim…. admito que eu possa estar enganado quanto a minha visão (todos nós podemos, certo?), aliás, quando se trata desse tema a dúvida é parte central: é a partir das lacunas e dos diversos entendimentos que derivam destas que se formam as mais diversas subdivisões de religiões.
    O que me assustou foi exatamente a ausência de dúvidas, de uma análise crítica, que alguns demostraram. Reitero que não sou contra nenhuma religião ou ideologia, mas me preocupa a alienação e a aparente não aceitação de uma outra verdade por parte de alguns, como se quem não crê no que o meu grupo crê fosse inferior, digno de ajuda ou até de rejeição, pelo simples fato de ter outra opinião, outra leitura, outra visão. Será que Deus fica feliz quando um de seus crentes prejudica outra pessoa?
    Exemplifico: em um dos comentários, a Sra. Andréa mostrou-se aflita diante da possibilidade de contratar um cidadão que não crê na verdade dela. Simplesmente assim: não por falta de competência técnica do sujeito, não por falta de profissionalismo ou coisa afim…. simplesmente por ele não ser crente.
    Não sei se “caiu a ficha” para você, Sr. Germano, mas ao responder o questionamento da Sra. Andréa, o Sr. pode ter sido coautor de uma conduta que um outro livro veda: a Constituição Federal, nos termos da lei Nº 7.716, que define os crimes resultantes de preconceito de raça cor, etnia, RELIGIÃO ou procedência nacional.
    Mas saindo do campo legal, e analisando moralmente, é correto prejudicar um cidadão desta forma, negando-lhe um emprego somente porque um livro milenar diz, de forma bastante subjetiva e descolada do atual contexto, que contratá-lo seria em um pecado, por ele não crer no meu Deus? Seria agradável/justo que um emprego fosse negado, por parte de um empregador umbandista, hindu, budista, etc…, a um crente que necessita sustentar sua família, pelo simples fato deste acreditar em Jesus?
    Já fui da opinião de que Religião não se discute, mas hoje entendo diferente, principalmente diante dos noticiários internacionais que mostram diariamente verdadeiros massacres pelo mundo motivados por fanatismo religioso, que começa assim.
    Deixando claro a não generalização do que expus, acredito que o diálogo e as opiniões diversas só tem a acrescentar e fortalecer os bons religioso e, por consequência, a própria sociedade.

  26. germano disse:

    Muito claro o seu comentário, Ramon. Extremamente coerente e com muito sentido. Sim, todos nós podemos estar enganados. A própria ciência, tão propalada por alguns, todos os dias vem a público dizer que estava enganada com relação a esse ou aquele ponto. Nos últimos anos, a propósito, essa é uma constante, tamanha a velocidade com que se fazem novas descobertas. Nada mais duvidoso do que a ciência, não é mesmo?
    Já com relação à Bíblia, ocorre o inverso. Há dois mil anos é o livro mais vendido do mundo e se mantém atual como o jornal de hoje. Um exemplo: Eclesiastes 5:8 – “Se vires em alguma província opressão do pobre, e violência do direito e da justiça, não te admires de tal procedimento; pois quem está altamente colocado tem superior que o vigia; e há mais altos do que eles.”
    Opressão ao pobre e violência do direito de justiça. Atual, não? Isso foi escrito por Salomão há algo em torno de três mil anos. Quando nem havia ainda o que hoje chamamos de direito. Essa é uma das coisas interessantes da Bíblia: a sua atualidade. E é exatamente por isso que quem lê e estuda as Escrituras não tem dúvidas: TODAS as respostas estão lá. Tudo, absolutamente tudo o que um ser humano precisa saber para viver uma vida de acordo com a vontade de Deus e alcançar a salvação e a vida eterna com Jesus Cristo está lá, na Bíblia. E é disso que se trata. O nome do blog é Leia a Bíblia exatamente por isso, para fazer com que as pessoas, ao invés de terem dúvidas, as sanem através da leitura e estudo do texto Bíblico. Só lendo e estudando a Bíblia alguém pode entender o que significa o plano de salvação de Deus para a humanidade. E, a partir daí ter certeza e não dúvidas.
    Aquilo no qual acreditamos ou não, não muda a realidade. Fatos são fatos e contra eles não há argumentos. Posso acreditar que um dia vou conseguir voar, mas até que eu seja visto cruzando os céus, serei apenas um cidadão iludido com algo irreal. Posso acreditar que Jesus Cristo não ressuscitou, mas não é isso que os fatos comprovam nem o que qualquer pessoa tenha conseguido provar até hoje. Muito pelo contrário. A ressurreição de Jesus Cristo é um fato históricamente comprovado. Posso pensar que a Bíblia foi escrita e inventada por homens, mas um breve estudo das profecias já cumpridas mostra um impossibilidade matemática de cumprimento semelhante a você preencher a Via Láctea com moedas de um centavo e ter UMA CHANCE de ir lá e escolher uma única moeda premiada. Isso é um fato!
    É muito importante pontuarmos o seguinte: não se trata de religião. Religião escraviza, entorpece, embrutece, emburrece e às vezes até mata, como foi o caso de Jesus Cristo. Lendo o texto bíblico você percebe claramente que os religiosos da época o mataram. Justamente por causa dos motivos que eu citei.
    Neste blog tratamos simplesmente daquilo que está na Bíblia. Sem conotações religiosas, sectárias ou ligadas a qualquer instituição ou grupo religioso. Pregamos o Evangelho da Graça de Deus puro e simples. E o que a Palavra de Deus diz é: II Corintios 6:14 – “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?” Ou seja, cristãos devem evitar se associar, fazer negócios, casar ou ter intimidade, por exemplo, com pessoas que não sejam cristãs.
    O padrão de conduta de cristãos não é o critério do mundo, é o critério de Deus. Sei que é difícil de entender e por isso é necessário ler a Bíblia. Ao longo dos anos (tenho 55) venho observando que as pessoas que mais criticam o texto bíblico – o que não é o seu caso – são as que nunca leram e muito menos estudaram o texto bíblico com isenção. Reitero que não se trata de religião e muito menos de sociedade. Aqui estamos falando de salvação e da vida eterna. Para entender, só lendo e estudando a Bíblia. Faça isso, tire 72 horas da sua vida para ler a Bíblia. O que você teria a perder?

  27. ana disse:

    Germano gostei muito das suas interpretacoes, não sou uma conhecedora nata da biblia mais creio no Deus unico e fiel, as escrituras então não contesto de forma alguma pois é através da palavra que muitas vezes consegui conforto e paz para minha alma como no caso de hoje. Tenho um relacionamento de 8 anos e apenas dois de casada, me converti a sete anos me batizei e sempre cri que Deus poderia mudar toda a nossa historia porem não é isso que vem acontecendo ele não gosta muito de falar sobre Deus a acredita que todo tipo de crenca seja ela qual for leva a Deus, sendo assim procurei sobre a palavra do jugo desigual porque o casamento esta insuportavel, ele jogou a alianca fora alguns meses depois do casamento e insiste em dizer que a uniao é desgracada e não abencoada. Ou seja como conseguirei manter meu foco em Deus com tanta afronta?

  28. Esther Moore disse:

    Olá, Ana. Aqui é a Esther Moore, colunista do Blog.

    Que Jesus Cristo possa continuar abençoando-a para que sinta o anseio de conhecê-Lo, e que tenha sempre a consciência de que é Ele quem luta por nós, e concede-nos a vitória. Persevere em oração e leitura bíblica diária, pois esses devem ser o seu alimento espiritual. O seu amor por Jesus Cristo deve ser a base de todas as áreas de sua vida, inclusive a matrimonial. Há momentos em que o desespero bate forte em nossas portas, mas não devemos ceder. Devemos confiar naquEle que é fiel o bastante para cumprir Suas promessas. Seja uma mulher de Deus no mais amplo sentido deste conceito. Não é fácil para nós, seres carnais, mas o Espírito Santo de Deus é quem intercede por nós. Portanto, pense como uma mulher virtuosa, uma mulher que se submete a Deus. Ore pelo seu casamento mesmo quando isto parecer uma tarefa árdua para ser realizada. Pense que você é um instrumento para a glória de Deus e que Ele pode realizar grandes maravilhas através de sua vida! Asseguro-lhe que orando e lendo a Bíblia com vigor, você estará dando passos cruciais. Reflita e medite neste estupendo versículo: “Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará.’’ (Salmos 37:5). Sugiro fortemente que leia este post de minha autoria: http://leiaabiblia.blog.br/ser-mulher-de-deus/
    Que o Espírito Santo de Deus possa abençoar você e a sua família hoje e sempre.
    A Paz de Cristo!

  29. ana disse:

    Amem…obrigado querida Esther! a paz do senhor pra vc tbem.

  30. Juliana disse:

    Primeiramente, olá a todos. A bíblia em nenhum momento diz que é pecado ou errado namorar ou casar-se com uma pessoa não cristã, e sim ela alerta que este tipo de decisão não é aconselhável, primeiramente por que um serve apenas há um único e verdadeiro Deus enquanto o outro serve a outros deuses e tem práticas que diferem o comportamento dos envolvidos. O apostolo Paulo descreve : “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?”.
    A pessoa que se prende a um jugo desigual não está em pecado, porém também terá que arcar com as consequências futuras.
    Supondo que um evangélico namore um não cristão, e passe algum tempo e eles resolvam se casar. Como que será o casamento? Um vai querer ir a igreja, o outro estará em outra, um servirá a o único Deus o outro a vários deuses, um será a favor do batismo em crianca e o outro será contra, um será a favor de Ter Santos em casa, o outro não irá apoiar.

    Não existirá comunhão entre os dois.

    Por isso antes de dar um passo maior e matrimonial. Verifique primeiro no namoro, peça a confirmação de Deus. Se for esta pessoa que Deus realmente tem preparado, lute e faça com que através da sua vida vc consiga ganhá-lo para Cristo. Mas, caso Deus não esteja no controle, espere no Senhor., Ele lhe dará uma pessoa que Serve a Ele. E não esqueça que o relacionamento mais importante que vc tem , é entre Vc e Deus, e este, deve estar acima de qualquer outro relacionamento. Não permita que qualquer coisa estrague seu relacionamento com Deus.

    Estamos prontos a assumir um relacionamento com alguém, quando na verdade o nosso maior Relacionamento é estruturado na Fidelidade com o Senhor Jesus.

  31. César disse:

    Resumo o relacionamento a dois com o aconselhamento: ” esposas sejam submissas a seus maridos, maridos amem suas esposas assim como Cristo amou sua igreja ao ponto de dar sua vida por ela”. Vejo nesse versiculo toda a exencia do relacionamento, marido esposa, o q vejo muito é uma disputa de força das mulheres e a falta de coragem dos homems de ama-las nessa intensidade.

  32. César disse:

    Leem Efésisos cap.5 todo e tirem suas conclusões, jugos desiguais está entre pessoas.

  33. Mistake disse:

    É muita alienação, as pessoas querem algo para crer e seguir cegamente, não acho que a biblia esta errada e sim as pessoas acreditarem que ela é maior que o amor, isso me entristece porque no meu entendimento o amor deveria ser o maio sentimento na terra e não as palavras soltas que li usadas para se defender de opiniões contrárias.
    Deus é amor.

  34. Jefferson disse:

    No caso da Andrea contratar ou não um funcionário, ae já eh preconceito. É o que acho…

  35. Monique disse:

    Oi pessoal. bom, eu li os comentários, e fica claro como todos temos uma maneira diferente de encarar os fatos. Eu sou uma serva de Deus, acredito e confio nele, tenho Jesus como meu unico salvador. se tratando de ” jugo desigual”, eis a palavra que eu mais tenho ouvido nos ultimos dias. eu estou namorando um garoto que pertence a uma religião onde a doutrina é totalmente diferente da doutrina seguida pela igreja a qual eu pertenço.. nós nos gostamos muito, mas ele não esta se sentindo correto, por eu não pertencer à mesma igreja que a dele. Mesmo eu sendo uma evangélica só não pertencente à mesma religião, mas adorando o mesmo Deus e sendo uma cristã de coração.ainda nesse caso, pode ser considerado julgo desigual ? o que eu faço ? devemos seguir uma unica religião?

  36. germano disse:

    Monique,
    Cristãos não “pertencem a uma igreja”, cristãos tem a habitação do Espírito Santo e seguem a Jesus. O jugo desigual separa cristãos e ímpios, não frequentadores de uma igreja e frequentadores da outra igreja. Orem juntos, leiam a Bíblia, estudem as Escrituras e peçam a direção do Espírito Santo. Confiem em Deus. Paz!

  37. NAELSON disse:

    SOBRE O COMENTARIO DO SENHOR GERMANO: RESPOSTA
    “E louvou aquele senhor o injusto mordomo por haver procedido prudentemente, porque os filhos deste mundo são mais prudentes na sua geração do que os filhos da luz.” (Lucas 16 : 8)

  38. claudio t disse:

    Meus querido irmão,a,tai a resposta de Deus para todos,Mas que diz? A palavra está junto de ti, na tua boca e no teu coração; esta é a palavra da fé, que pregamos,
    A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.
    Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.
    Porque a Escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido.
    Porquanto não há diferença entre judeu e grego; porque um mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam.
    Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo
    .
    Romanos 10:8-13

  39. claudio t disse:

    Às vezes pensamos que Deus,
    não escuta nossas perguntas.
    Mas na verdade, somos nós que não
    ouvimos suas respostas.
    Ele se aproxima de todos os
    que pedem a sua ajuda, que clamam
    por Ele com um coração sincero”.
    Salmo 145.18

  40. Regiane disse:

    Bom dia e a paz do Senhor a todos,estou aqui deixando meu comentario uma vez,que tambem tenho duvidas,assim como opiniao a respeito desse assunto,eu gostaria de perguntar aos conhecedores a fundo da palavra de Deus,que em nenhum momento se contradiz, entao pq jo era casado com uma nao crente,uma vez que ela disse p ele amaldiçoa o teu Deus e morre,o rei Assuero tambem nao era crente,e Deus permitiu que ele casasse com Ester,alem de Ruth que nao era crente e se converteu ao Deus unico. Sou crista e ja tive namoro com cristao que era lobo vestido de ovelha. Nao quero aqui estar criando contenda, pois sei que Deus nao habita nisso,mas sim estar pedindo esclarecimento maior,um abraço!

  41. germano disse:

    Regiane, o que vale para nós como regra de fé e prática está no Novo Testamento.

  42. Sandra Rocha disse:

    MInha pai era evangelico e minha mãe católica. Nunca vi uma briguinha entre os dois durante 47 anos de casamento,.

  43. filippe disse:

    porq dizem q pessoas de fora da igreja sao pessoas nao salvas?
    sera q todos q estao sao salvos …
    todos q nao estao sao nao salvos…
    nem tudo q em casa presta

  44. Alexandre Mendes disse:

    “…se algum irmão tem mulher incrédula, e esta consente em morar com ele, não a abandone; e a mulher que tem marido incrédulo, e este consente em viver com ela, não deixe o marido. Porque o marido incrédulo é santificado no convívio da esposa, e a esposa incrédula é santificada no convívio do marido crente. Doutra sorte, os vossos filhos seriam impuros; porém, agora, são santos.” (II Coríntios 7:12-14) E o versículo 16 deixa claro uma coisa: “Pois, como sabes, ó mulher , se salvará teu marido? Ou, como sabes, ó marido, se salvarás tua mulher?”

  45. SneepS disse:

    II Coríntios 6:14 É uma carta de Paulo para os “Coríntios” e neste trecho temos uma frase que se colocarmos ela no contexto que ela foi dita se refere-se a nada mais nada menos que o mesmo que Salmo 1:1 diz:
    Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. É um aviso que se afaste dos ímpios, leia o capitulo inteiro, leia o livro de coríntios inteiro se for o caso, mas não me diga que isso foi explicitamente citado como uma exortação para o casamento, pode até algum dizer que isso é conselho que cabe a se pensar antes de casar, ai sim, conselho, não uma regra geral como um mandamento.
    Vamos analisar o caso de Salomão:
    E Salomão se aparentou com Faraó, rei do Egito; e tomou a filha de Faraó, e a trouxe à cidade de Davi, até que acabasse de edificar a sua casa, e a casa do SENHOR, e a muralha de Jerusalém em redor. 1 Reis 3:1
    Salomão casou-se com a filha de um Faraó, algum vai tentar ousar me dizer que ela era convertida?
    Tudo bem vamos ao caso que ele fez mas Deus não se agradou disso será?
    vamos lendo dai p/ frente…
    E Salomão amava ao SENHOR, andando nos estatutos de Davi seu pai; somente que nos altos sacrificava, e queimava incenso. 1 Reis 3:3
    E em Gibeom apareceu o SENHOR a Salomão de noite em sonhos; e disse-lhe Deus: Pede o que queres que eu te dê. 1 Reis 3:5
    Se acha que se Deus realmente tivesse se desagradado da sua união com a filha do Faraó ele já não ia lhe dizer alguma coisa a respeito disso?
    Vamos lendo… leia muito que a verdade vós libertará… vamos agora para :
    1 Reis 6:11-12
    Então veio a palavra do SENHOR a Salomão, dizendo:
    Quanto a esta casa que tu edificas, se andares nos meus estatutos, e fizeres os meus juízos, e guardares todos os meus mandamentos, andando neles, confirmarei para contigo a minha palavra, a qual falei a Davi, teu pai;
    Veja que ai já é a segunda vez que Deus fala com Salomão, e pelo que da para dizer sobre a vida de Salomão até a essa altura? Que esta andando na linha perante a Deus, pois Deus só falou p/ ele continuar nos caminhos de seus mandamentos, em momento algum ele o advertiu sobre o casamento dele com a filha do Faraó..
    AGORA O PONTO CHAVE DA QUESTÃO:
    1 Reis 11:3-7
    E tinha setecentas mulheres, princesas, e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o coração.
    Porque sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e o seu coração não era perfeito para com o SENHOR seu Deus, como o coração de Davi, seu pai,
    Porque Salomão seguiu a Astarote, deusa dos sidônios, e Milcom, a abominação dos amonitas.
    Assim fez Salomão o que parecia mal aos olhos do SENHOR; e não perseverou em seguir ao SENHOR, como Davi, seu pai.
    Então edificou Salomão um alto a Quemós, a abominação dos moabitas, sobre o monte que está diante de Jerusalém, e a Moloque, a abominação dos filhos de Amom
    1 Reis 11:9-12
    Pelo que o SENHOR se indignou contra Salomão; porquanto desviara o seu coração do SENHOR Deus de Israel, o qual duas vezes lhe aparecera.
    E acerca deste assunto lhe tinha dado ordem que não seguisse a outros deuses; porém não guardou o que o SENHOR lhe ordenara.
    Assim disse o SENHOR a Salomão: Pois que houve isto em ti, que não guardaste a minha aliança e os meus estatutos que te mandei, certamente rasgarei de ti este reino, e o darei a teu servo.
    Todavia nos teus dias não o farei, por amor de Davi, teu pai; da mão de teu filho o rasgarei

    O QUE FEZ COM QUE DEUS SE INDIGNA-SE? FOI QUE SALOMÃO DEIXOU DE SEGUIR OS SEUS MANDAMENTOS, AS MULHERES LHE PERVETERAM O CORAÇÃO.
    E claro que alguém vai falar viu só no que deu o jugo desigual o Salomão fez e se deu mau. Mas, a questão aqui é que Salomão teve o mesmo problema que seu Pai Davi, gostava muito de mulheres a ponto de indignar Deus, de fazer coisas absurdas por causa de mulher, se ele tivesse andando nos caminhos de Deus e com a filha do Faraó junto p/ aprender mais de Deus com certeza ele teria ganho uma alma a mais p/ Deus.
    É fato que você terá menos trabalho/dor de cabeça se casar com alguém que já conhece a Jesus, mas não pode ser “regra” como estão falando em muitos cultos por ai.
    Porque temos que amar o próximo como Jesus amou, e isso quer dizer que podemos amar sem restrições, porém Deus ama o pecador não o pecado, fica a dica para qualquer tipo de relacionamento, o caminho a verdade a vida é Jesus. Amém !!

  46. Chalina disse:

    Li alguns comentários e um pequeno trecho do post mas o que gostaria de dizer é que o que entendo é num casamento em que o nível de fé é desigual haverá maiores possibilidades de desavenças e brigas tornando assim o relacionamento difícil mesmo que um dos lados esteja sempre lutando pela paz haverá essa discussão porque um fala e o outro não entende como o primeiro disse ah é complicado vivi 22 anos com meu marido e nunca combinamos quando eu estava decidida a me anular ele arrumou outra e me abandonou e pronto acabou.

  47. Julia disse:

    Pois é… O mais estranho é que no mesmo Coríntios há uma passagem que fala sobre amor.
    AINDA que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
    2 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
    3 E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
    4 O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
    5 Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
    6 Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
    7 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
    8 O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
    9 Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
    10 Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
    11 Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
    12 Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
    13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.

    Então, isso ninguém lembra. ‘Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.” Toda igreja é corrompida pelo homem, seja ela evangélica, católica, espiritista… Todas. E os burros dos homens ainda insistem em focar em regras ao invés de adorar à Deus. Se o amor é maior, pq devemos deixá-lo de lado? Deus mesmo diz que somos todos iguais perante a Ele. Pq ele desaprovaria uma união por conta de uma diferença de religião se ele não vê diferença entre a gente? Outra coisa: existem passagens da bíblia q ensinam um monte de coisa, mas ninguém quer seguir, como ficar presa num quarto durante 7 dias no período menstrual e não se deitar com seu marido; doar sua filha como escrava; matar seu escravo e esperar q ele morra no dia seguindo para você ser perdoado…. Enfim. Só o que convém é seguido e isso me indigna. O fato de se referir a outros tipos de religiosos faz de vc um preconceituoso e te garanto que é disso q Deus não gosta. Estava num relacionamento muito lindo cheio de amor, carinho, compaixão e, de repente, quando a pastora falou para meu namorado q era errado estar com uma católica, ele terminou tudo. Ele simplesmente me fez triste e se fez triste, pq toda vez q ele me vê fica nervoso, com o rosto vermelho e os olhos brilhando. Pq Deus ia unir a gente se, segundo VC, ele não quer isso? Deus está em todos os lugares. em mim, em VC, na natureza, no céu, na terra… Pq então se prender a Bíblia, q todo mundo sabe foi adulterada algumas vezes, ao invés de se prender a Deus e encontrar a resposta Nele mesmo? Falta humanidade nesse mundo e é isso que Deus descrimina. A Paz pra VC!

  48. Eduardo disse:

    O mal das RELIGIOES é ensinarem as pessoas a lerem um PEDACINHO das escrituras. Monstram apenas o que lhes agradam. Cheios de REGRAS. Penso eu que a morte de Cristo nada valeo ja que as LEIS permanecem. Deixem as pessoas lerem uma carta como UMA CARTA. Quando as pessoas tomarem vergonha na cara e começarem a ler TODO O CONTEXTO verão o mal que estão fazendo em serem enganadas por pastores, padres e anciões. QUEM SALVA É DEUS não o TEMPLO RELIGIOSO que ensina o que bem entende. Ninguem chega em casa e le a carta toda pra ver se o que foi dito faz parte do contexto. 90% das pessoas hoje fazem parte de alguma religião cheias de regras criadas pelos homens, agora eu te pergunto. JESUS tinha religião? Os apostolos tinham? Eles construíram templos? Que coisa… Sera que o Deus que você prega é aquele mesmo cujo Stevam disse em atos dos apostolos: Todavia, DEUS não HABITA em TEMPLO feito por MÃOS DE HOMENS. Desconfie de todo RELIGIOSO que deixa as escrituras em segundo plano. PAZ!

  49. Heloisa disse:

    Eu sei bem o que é isso Julgo Desigual… namorei, noivei e casei e depois do casamento vim descobrir que meu marido é testemunha de jeova e que nada acreditou ou acreditava em Jesus… nosso casamento vive em todo tempo a um fio para uma separação… eu nao aceito de forma alguma os estudos da torre de vigia… ele nao me impede de servir a Cristo… mais nós não temos nenhum vinculo social… ele nao vai a lugar nenhum comigo e eu nao vou a lugar nenhum com ele. Vivemos uma farsa porque ambos sabemos que nao podemos nos separar… o que tenho a dizer a qualquer jovem ou pessoa de mais idade que assim como eu vivia sonhando com um casamento. ESpera no Senhor… não importa o tempo que seu conjuge ira vir, o que importa é que seu amado(a) seja servo do Deus altissimo, apaixonado por Cristo, temente a Ele e sendo guiado pelo Espirito Santo de Deus… espera no Senhor nao importa o tempo que para vc demore. pois queridos estar na situação em que eu me encontro é muito dificil.

  50. Leandro Ribeiro disse:

    Estudem mais a bíblia em vez de ficar repetindo o que um ou outro disse. Essa questão de somente namorar quem é Cristão não é uma doutrina bíblica, é um conselho de homens para homens e tomem cuidado com isso! Quando me casei, minha esposa era da Primeira Igreja Batista de nossa cidade, tocava no louvor e eu não era cristão. Tinha conhecimento bíblico mas lia mais para refutar os cristãos do que para edificação. Bebia e vivi afastado do Senhor por quase toda a minha vida. Me casei, o tempo foi passando e Deus agiu em nossas vidas. Hoje eu sou cristão pela misericórida de Deus em ter usado minha esposa nesse processo. Como eu sou grato a Deus por ter colocado ela em minha vida. Antes de totalmente condenar o ímpio e se afastar dele, ore a Deus e peça para que seja feita a vontade d’Ele e que você seja a ferramenta nessa transformação. Não estou dizendo que isso vai acontecer todas as vezes e que o que aconteceu comigo é a regra, mas Deus é justo e não te deixará sem resposta, seja ela qual for.

  51. Karina disse:

    Estou apaixonada por um muçulmano! E agora?

  52. Maria Lima disse:

    Senhor Germano, Graça e Paz!
    Por esses dias (inclusive ontem à noite) estava refletindo e discutindo sobre o “jugo desigual”. Sou evangélica desde 2011 e de lá para cá tenho procurado não ser apenas ouvinte da PALAVRA de DEUS, mas sim, praticante. Procuro melhorar a cada dia, vigiando e orando. Sei que perfeito só foi mesmo o Senhor Jesus, mas tenho procurado melhorar cada vez mais por amor a ele. Tudo em minha vida mudou e pode ter certeza que foi pra melhor. Por querer fazer sempre as coisas certas de acordo com a “PALAVRA de DEUS” (que nada tem a ver com religião), estou querendo a resposta do SENHOR, com relação a um homem que quer se casar comigo. Ele é “adventista”, o que não é o meu caso. Ele, ainda ontem à noite (entre outras vezes) me falou que não estamos em jugo desigual, já que amamos e adoramos a um único SENHOR e suficiente SALVADOR.
    Quando li acima o que o senhor respondeu a Monique, achei que tem a ver com a minha dúvida. Estou certa? responde à minha dúvida?
    Tenho outra pergunta para o senhor. Em relação ao divórcio (ele é divorciado), o homem cristão ou a mulher cristã, de acordo à “PALAVRA de DEUS” podem se casar novamente? A ex-mulher dele acabou com o casamento. Adulterou, acho que ainda está com outro homem. Ele tentou, na época reatar, mas ela não quis. Mesmo com tudo isso fico querendo esclarecimento, pois na Bíblia (que fique claro para os leitores e leitoras que não tem a ver com igreja e/ou religião), tem escrito: “Eu, porém, vos digo: quem repudiar sua mulher, não sendo por relações sexuais ilícitas, e casar com outra comete adultério [e o que casar com a repudiada comete adultério]. Mateus,19:9. Aí está minha dúvida: Ele foi o repudiado. E eu?! Vou comter adutério por me casar com o repudiado?! Ele me disse que Deus não ficaria feliz dele refazer sua vida?! Que Deus iria querer que ele pecasse tendo relações sexuais sem ser casado? citou também outros pecados que não precisam ser citados aqui. O tempo que o conheço (que é pouco), percebi o quanto ele acredita no poder da oração, claro, tendo fé e obediência à PALAVRA do SENHOR”. Tenho certeza que independente de ser comigo ou não, o que ele quer é se casar. É pra isso que ele tem orado a DEUS. Reforço com ele para continuar em firme oração pedindo ao senhor o seu querer em nossas vidas, sempre!.
    Gostaria de comentar sobre a dúvida de Andréa: Fiquei em dúvida com relação ao fato dela contratar ou não a pessoa citada. Pensei… Mas o SENHOR JESUS não gostaria que ajudássemos a esse irmão? Será que ela não poderia vir a ser uma ferramenta para que ele viesse a conhecer o Único SENHOR e suficiente SALVADOR? O único que nos ama de maneira incondicional? E que , desde que confessemos e nos arrependamos dos nossos pecados, ele nos perdoa? Mas depois entendi quando o senhor foi objetivo em responder para ela: “Andréa, isso é jugo desigual”.
    Espero fortemente que o SENHOR JESUS possa usá-lo para falar comigo. Que Ele continue te abençoando e te dando sabedoria. A Paz do Senhor.

  53. Maria Lima disse:

    Sr. Germano, a Paz!
    Venho nesta manhã (17/09/2013) do dia seguinte ao primeiro comentário que fiz para o senhor. Devo consertar de maneira clara sobre a ex-mulher do homem ao qual citei para o senhor. Ela “NÃO ADULTEROU”! Simplesmente o repudiou, não o quis mais. Reforço em dizer que ele tentou por vezes reatar, tentar restaurar o casamento, mas ela não quis (isso aconteceu, segundo ele, há uns seis anos). Acho que faltou mais sabedoria da parte dele em buscar o Senhor Jesus. Ontem à noite quando ele me ligou, eu disse que estava procurando escalrecer mais sobre minhas dúvidas, mas não contei que entrei em contato com o senhor. Disse apenas que li o seu post, e que era pra ele tabém dar uma olhada. Na conversa foi que ele falou que o término do seu casamento não teve a ver com adultério. Quis esclarecer isso, pois creio que minha postura, principalmente por ser evangélica, deva ser assim.
    Abraço. A Paz do Senhor!

  54. Joao Paulo disse:

    O q falar do o Jose Egito entao hein !!! Um homem fiel a seu DEUS q casou com uma Egipcia, um povo q adorava varios deuses. O q importa é amar a DEUS sobre todas as coisas e ao proximo. Nisto se resume a lei e os profetas. Abraço

  55. Augusto disse:

    ow povo de Deus a paz! oia tipo eu acho que os lideres hj em dia pregam isso pois é complicado fl pra uns e outros que podem pescar no mundo, pois se nao ia virar bagunça. pois tem muitos cristãos com a cabeça fraca. a paz pra todo mundo!

  56. germano disse:

    Maria Lima,
    .
    A doutrina adventista é anti-bíblica. E esta pessoa que você relata, biblicamente está casada.

  57. Maria Lima disse:

    Sr. Germano, Graça e Paz!
    Obrigada por ter me respondido. Sobre o fato dele ser adventista, consigo entender, agora melhor, até porque li no seu post sobre a “guarda do sábado”, mas dele ainda ser casado não ficou bem claro para mim, pois pensei que já que ele foi o repudiado poderia ter o direito ou chance a um segundo casamento. Mesmo porque ele não adulterou, sendo assim, entendo eu, ela foi mais errada (segundo a Bíblia) ainda.
    Obrigada mais uma vez. A Paz.

  58. Alexei Mori disse:

    Gente por favor ! O texto não é um conselho é uma ordem “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis;”…

  59. elisangela disse:

    me disseram que era jugo desigual uma mulher mais jovem casar com homem mais velho, é o meu caso, mas o texto não me levou a entender isso.

  60. Bíblia disse:

    Pessoal, onde anda os pastores de vocês? Isso aqui não é igreja e ninguém aqui é responsável pelas vossas almas!

    Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil. Hebreus 13:17

  61. Bíblia disse:

    Pra quem quiser casar denovo, taí a dica:
    É só orar pra o conjuje morrer!
    A mulher casada está ligada pela lei todo o tempo que o seu marido vive; mas, se falecer o seu marido fica livre para casar com quem quiser, contanto que seja no Senhor.
    1 Coríntios 7:39

  62. Wesley disse:

    Conheço caso em que a mulher gostava de um rapaz evangélico, e ela como estava interessada, começou a frequentar a igreja, aceitou cristo e namorou e casou com o rapar. Depois do casamento ela largou a igreja, porque se considera católica… Tem muitos casos de cristãos de espancam suas mulheres dentro de casa… Mas evidente, que no caso de casamento e criação de filhos, qual lado vai ensinar? Realmente surge o problema… se a outra parte for religiosa também…

  63. Wesley disse:

    Tive um problema desse rescente com uma ex namorada, ela evangelica e eu não… ela me convidou para ir a igreja, comecei a frequentar, estava gostando muito, só que uma semana depois, ela me confidenciou que estava pensando em terminar o relacionamento. Fiquei muito triste, porque ela queria que aceitasse assim na marra… falei que não era enganador e não iria fingir nada para ela. Fui sincero… achei que o tempo seria natural essa conversão. Só que não esperou… não sei se existe amor nisso… mas, do meu lado tinha todo o amor, e sinceridade nas palavras…estava respeitando ela em tudo… não sei se foi justo comigo, mas sei de uma coisa… as pessoas não sabem nem em quem está crendo, pois, não conhecem a bíblia….fiz algumas perguntas simples e não sabiam…então não sei aonde está a liberdade das pessoas de escolha…mas sei que as vezes posso ser uma exceção a regra, pois, sou criado em lar evangélico…mas tem casos de homens que proíbem as mulheres de ir a igreja… e humilham suas esposas depois do casamento…

  64. nilson disse:

    para quem fica, debatendo contra a biblia presiza ter um encontro com jesus , joao 8; 32;e 36;e tomar veregonha na cara, porque tem tantos templos que não obedeci e as doutrina biblica nem os uso e costume ;vai para lar mas saiba , que ,ninguen escaparar do juiso final

  65. José disse:

    Germano querido vc comentou logo acima que o seu blog nao e pra falar de religiâo sim pra incentivar a leitura biblica. Mas cometeu um grave erro dizendo que o Adventista é antibiblico. Vc que defende um blog a leitura da biblia devia ler e conhecer a verdade antes de falar assim! Os Adventistas lêêm a biblia de capa a capa e aguardamos segunda volta de Cristo por isso o nome adventista de advento leia o livro O grande Conflito

  66. Orlando disse:

    Sou Adventista e me senti ofendido… mas não defendo religião e sim a verdade antes de mais nada , se um dia quiseres saber a verdade sobre os adventista leia a biblia e confira cada cada assunto com uma de nossas publicações sâo milhares de livros vou citar um para sua leitura ( Eventos Finais ) se quiser lhe envio um grátis ! PAZ…

  67. germano disse:

    Orlando,
    .
    Não se sinta ofendido, o que eu disse foi que a doutrina adventista é anti-bíblica. Isso não é pessoal. É bíblico. Leia, por favor, aqui mesmo no blog o post http://leiaabiblia.blog.br/trinta-razoes-para-nao-guardar-o-sabado e você entenderá do que eu estou falando. Eu já li Eventos Finais.

  68. germano disse:

    José,
    .
    Basta ler a Bíblia para perceber que a “doutrina” adventista é anti-bíblica. Leia Gálatas. E eu não disse em momento nenhum “que o Adventista é antibiblico”; a doutrina é. Eu já li o livro O Grande Conflito e quase tudo de Ellen White. Sei do que estou falando. Leia o post http://leiaabiblia.blog.br/trinta-razoes-para-nao-guardar-o-sabado acompanhando e estudando com a sua Bíblia cada uma das citações.

  69. Regina disse:

    Boa tarde! Um namoro entre uma mulher de 38 e um rapaz de 21, causa julgo desigual, mesmo os dois estando na palavra de Deus no mesmo pensamento em Cristo, ou seja segundo o mesmo caminho?

  70. As vezes fico na dúvida, estava conhecendo uma pessoa que se mostrava totalmente de Deus, possuia todas as caracteriticas de uma pessoa fiel a Deus. Me abençoava, profetizava bençãos sobre nós, até que me apaixonei totalmente por essas caracteristicas, pois quem não se apaixona por alguém que tenha o caráter de Deus?
    Até que um dia tive um motivo para desconfiar e fui investigar, agi de uma forma totalmente incorreta usando uma outra pessoa para investigar, descobri atitudes que me feriram muito, parecia que não era real, mas continuei e acabei me embaraçando. Até que um dia decidi contar toda a verdade sobre oque eu já sabia, pedi perdão pelo meu ato pois eu deveria ter questioando diretamente, mas já era tarde. Agora fica a questão… será mesmo jugo namorar alguém só por que não seja cristã?
    Pois conheceço muitas pessoas que possuem caráter incomparáveis a de certos cristão, depois dessa experiência busco uma direção mais precisa de Deus. Pois já são dois lobos disfarçados de ovelhas que aparecem na minha vida, mas como diz a música … eu vou passando pela prova dando glória á Deus rsrs. #Oremos

  71. Amancio disse:

    O apostolo Paulo nao estava falando com pessoas que nao conhecem a Deus. Mas sim uma comunidade que conhece a doutrina crista mas nao se vivem a mesma doutrina.

  72. VInicius disse:

    Não sejamos hipócritas. Por favor. Achar que alguém está em julgo desigual é bem delicado porque muitas pessoas que não são cristãs praticam o bem mais do que muitos cristãos que vejo por aí. Seguir o caminho de Jesus, acreditar em sua palavra e praticar o BEM, mesmo que não seja evangélico, não quer dizer que ele esteja em julgo desigual. Se você conhece uma pessoa que não é evangélica, mas que ela segue os ensinamentos e é uma pessoa de boa índole. Jesus estará sempre guiando seus passos. Dou graças a Deus por não ser Perfeito, porque eu sou Ser Humano. Eu acho ridículo alguém julgar o outro por seguir outra religião. Afinal de contas, a Religião é um caminho que leva até os ensinamentos de Jesus, então, não importa o caminho que você siga, o que importa é saber para onde você vai. O importante de um bom relacionamento, é manterem a Fé e a Força de Vontade! Jesus sempre nos guiará e nunca nos abandonará.

  73. germano disse:

    Vinicius,
    .
    Leia João 14:6

  74. Carmen disse:

    Achei que poderiam ter ido mais à fundo no texto.
    Esta passagem trás muitas informações. Gostaria de ler mais à respeito.
    Se eu puder contribuir de algum modo.
    Um forte abraço.

  75. Victor disse:

    Porque todos ignoraram o comentário de Alexandre Mendes onde ele cita na verdade I Coríntios 7:12-16? Alguém poderia me explicar o que diz esse texto? Obrigado, paz a todos!

  76. renato disse:

    PAZ! Para nossa meditação. O texto citado embora escrito por PAULO é A PALAVRA DE DEUS ! E é uma determinação ( Não vos prendais ) E em Esdras 1.2 o povo de Israel teve que abandonar as mulheres Heteias JÁ com filho para poderem se reconciliar com DEUS. Manda Quem Pode obedece quem quer servi-lo ! Deus Abençoe.

  77. adson disse:

    A paz do Senhor a todos….E que Deus tenha misericordia de nós! A Palavra de Deus é mesma ontem e hoje e continurá sendo a mesma sempre. Creia só nela e faça sua oraçao de entrega a Jesus genuinamente.

  78. Sueli disse:

    Tive uma péssima experiência. Me relacionei com um espírita durante dois anos. Seus ensinamentos, têm preceitos, muitos ensinamentos, porém, eles não têm a sabedoria de Deus. Eu creio que Jesus é o meu Salvador. Eles, infelizmente, acham que Jesus é um ser evoluído e reencarnado várias vezes.

  79. PEIXE disse:

    O que me deixa pasmo é a quantidade de pessoas falando do que não sabe , do que não conhece . Eu obedeço a Cristo e sua palavra de verdade, ou as circunstancias desta vida mudam meu conceito de Deus a respeito da sua palavra.
    Se alguém ou alguma coisa está acima da palavra de Deus pra nós, isso não permitirá que entremos nos céus, não estou falando apenas de julgo desigual, isso é muito pequeno diante da salvação da nossa alma.
    Jesus disse: aquele que não deixar pai e mãe, por amor de mim não é digno de mim.
    Se você já e casado e se converteu depois , lute com todo amor do mundo pela sua familia , seja o amor de Deus na vida deles , o Espírito Santo vai agir.
    Se vc é solteiro e antes de namorar ou casar pergunte pra Jesus se vc pode.
    Se a tua fé for maior que a sua paixão. Espera em Deus, confia em Deus por é certo que ele tem o melhor casamento pra vc , pois comigo foi assim, Deus me honrou.
    Fiquem na paz de Cristo , e saiba Deus te ama muito.

  80. Larissa Michele disse:

    Me encontro num momento de muita dúvida e realmente não sei o que fazer.Há quatro anos namoro um rapaz.Sou evangélica e ele espírita.Sou evangélica há mais de 20 anos,mas fiquei afastada por um tempo.Renovei meus votos com o Senhor e o que mais quero agora é andar reto e fazer apenas o que é correto e agrada a Deus.Amo muito meu namorado,mas amo muito mais a Deus e tenho muito receio de esta pecando.O que devo fazer nesta situação?Devo terminar este relacionamento ou orar para o Senhor convertê-lo?Estou quase enlouquecendo,ja pedi discernimento ao Senhor,pois só quero fazer a vontade Dele.

  81. germano disse:

    Larissa Michele,
    .
    Você sabe o que fazer. Só não quer fazer.

  82. Luane disse:

    Esta semana concordei em dar o divórcio ao meu esposo, que me abandonou há uns meses .
    estava em proposito de jejum e oração e casei certamente na direção do Senhor. Lembro que antes de ficar noiva, cinco anos atrás, eu conheci um homem, que estava se divorciando da mulher e era espirita. Fui rápida em julgar e não pensei duas vezes me afastando dele. Pois bem, casei-me com o crente. Esses anos foram de muita luta, jejum e oração, ele saiu de casa várias vezes, e depois de muito sofrimento, sem ver o arrependimento ou mudança nele, eu vou dar o divórcio, algo que ele tanto quer. e ainda tenho que ouvir dele, heresias sobre a bíblia. Deixo aqui meu testemunho.

  83. Dri disse:

    Aos 16 anos namorei um rapaz não evangélico, ele ia na igreja comigo, só frequentava porque eu ia. Depois de 2 anos terminamos e ele ficou tão desesperado que começou a procurar na igreja resposta para o termino, e por fim, depois de muito tempo do nosso termino eu soube que ele havia se convertido para a Assembleia de Deus. Ao terminar com ele comecei a namorar um amigo de infância que também não era evangélico, mas os pais eram. Terminamos, sofri muito, muito mesmo, tanto que me distanciei da igreja, fui procurar consolo no mundo, nas baladas rock, álcool, etc. Mas o sentimento não passava. Depois de 6 meses de balada gótica e vários livramentos, ele apareceu no meu portão com cabelo curto (ele era cabeludo) e uma bíblia na mão. Me contou o testemunho dele e como havia se convertido. Eu voltei para igreja muito chateada comigo mesmo pelo tempo distante (mas tudo tem um propósito) e no fim das contas ele casou com uma menina da mocidade da igreja dele (tb Assembleia de Deus rs). Me firmei em uma igreja perto de casa, tentando ainda esquecer ele que estava noivo da menina na época e virei tecladista no louvor, conheci um rapaz dentro da igreja, namoramos por um ano, mas não foi nada orado, etc. No fim o namoro acabou, ele se envolveu com uma moça não evangélica, ela engravidou, teve 2 filhos com ele e hoje ele não congrega. Depois namorei um presbiteriano, namoro em conturbado, sofri muito tb com o termino. Conheci um kardecista, que foi o melhor namorado que tive até hoje, 5 anos de namoro, mas acabou por motivos familiares, de ambas as partes, esfriamento do amor, etc. Depois dele tive alguns envolvimentos emocionais de curto período, e por ultimo namorei um rapaz que se intitulava agnóstico, ia na igreja comigo, gostava de ouvir, etc. Porém era um namoro muito atribulado, só dor de cabeça em todos os sentidos. No fim do nosso namoro a mãe dele chegou e me mostrou uma carteirinha de mãe de santo da federação umbandista, meu ex havia sido batizado na umbanda. Enfim, em todos os casos, no inicio dos namoros eu estava meio distante da igreja, indo esporadicamente, a lição que tirei de tudo isso é que, o problema não é o fato religioso, o problema é que se as duas pessoas não tiverem tido um encontro com Deus, o mal encontra varias brechas no relacionamento para atrapalhar, colocar discórdia, ciúmes, intriga, etc. Quando as duas pessoas tiverem tal encontro, os prolemas surgem, mas ambas tem discernimento de saber quando o mal está atuando, e resolvem a coisa em oração. Mas o fato da pessoa ser evangélica, não significa que teve esse encontro com Deus. Hoje eu busco viver esse encontro, mas confesso que peguei medo de namoros, pois tantos os de jugo igual como desigual deram errado. Hoje estou naquele versículo de Paulo, é melhor que nem se casem… rs

  84. germano disse:

    Dri,
    .
    E Jesus que bom, nada…???

  85. José Carlos disse:

    a diferencia entre o crente e o do mundo e que o crente conhece gosta e casa logo não fica enrolando?

  86. Kelly Criatina disse:

    Mas em 1 Coríntios 7 Diz:
    12 Mas aos outros digo eu, não o Senhor: Se algum irmão tem mulher descrente, e ela consente em habitar com ele, não a deixe.
    13 E se alguma mulher tem marido descrente, e ele consente em habitar com ela, não o deixe.
    14 Porque o marido descrente é santificado pela mulher; e a mulher descrente é santificada pelo marido; de outra sorte os vossos filhos seriam imundos; mas agora são santos. Por Favor gostaria que pudesse me esclarecer. Obrigada.Fiquem cm Todos com Deus.

  87. Umbandista disse:

    Prezado Sr. Germano,
    o seu comentário a respeito de contratar um funcionário de religião diferente configurar “jugo desigual” é discriminatório e anti-constitucional, pois a nossa Carta Magna não permite discriminação de pessoas para contratação em função de gênero, raça, e também filiação religiosa.
    A sua afirmação logo abaixo da pergunta da Sra. Andréa já foi “printada” e será encaminhada para as devidas providências.
    Jesus não deixaria de contratar alguém de outra “religião”, porque a “religião’ de Jesus era o amor, a caridade e a tolerância, coisas que o senhor parece desconhecer.

  88. ester disse:

    Não quero contradizer o que diz a Bíblia,mas me casei com um obreiro fiel, tive uma vida um inferno até em depressão fiquei na época morava com sogra, ja se faz 15 anos tenho 2 filhos ,muita lembrança triste do passado, já minha parente conheceu o cara com cigarro outras coisas mais tem uma vida totalmente diferente, hoje ele e obreiro condição de vida boa graças a Deus, não é inveja e só comentário o que adiantou eu não ter pegado jugo desigual?

  89. Gustavo disse:

    Muito bom, Obrigado.

  90. Cristina disse:

    Isto é apenas a minha opinião. Acredito que a forma como você interpretou este versículo sobre jugo desigual é muito radical… Como assim, agora deixo de contratar uma pessoa em minha empresa porque ela não pertence à minha religião, ou largo um namorado que amo apenas porque ele não é cristão… Engraçado, o que conheço de Deus não me mostra que Ele é excludente, frio, a ponto de querer separar pessoas que amam, e muitas vezes se completam… Está até parecendo as seitas que acredito eu, que você critica, como a adventista, por exemplo… Realmente, você tem razão ao aconselharmos a orar, porque sua opinião acerca do jugo desigual é inflexível, e passa para as pessoas que não conhecem a Cristo a imagem de um Deus duro, frio e implacável!!

  91. Claudine Madi disse:

    Jesus deve ficar chateado em saber que tiraram conclusões errôneas sobre seus ensinamentos…
    Pra começo de conversa: -”Quem não tiver pecados, que atire a primeira pedra!”
    Quem aqui pode dizer que é puro e digno do amor de Deus ou do convívio com o seu irmão? Onde foi que o ego humano destruiu o amor que existe nos corações dos homens que se dizem tementes a Deus???
    Pratiquem o amor livre de qualquer preconceito…procurem sim a melhora de seus pensamentos e ações…mas não esqueçam o principal: “Amai-vos uns aos outros como eu vos tenho amado!”

  92. Ad disse:

    Paz seja com todos. Há diversidade de pessoas, culturas, costumes e crenças. A Bíblia traz uma serie de instruções éticas, morais e espirituais, expressando o amor de Deus ( Seu zelo) para conosco, afim de que tenhamos um padrão de vida e comportamento que nos separe e diferencie dos deturpados padrões de excessiva e desorganizada “liberdade”. Assim, quem lê, estuda, crê e assimila as Escrituras Sagradas caminha para uma vida de renovação diária, a partir dos ensinamentos de Cristo, buscando-o imita-lo. Embora saibamos q Ele é perfeito e nós não, é melhor nos pautar por um alvo de excelência a ter q nos conformar com a mediocridade. Assim está em Romanos 12, para os q desejarem ler. Tendo em vista a pessoa de Cristo e Seus ensinamentos, o cristão adota a Bíblia como verdade, não como instrumento de alienação, pois alienação é dar opiniões baseadas na superficialidade. Viver a Bíblia profundamente é uma escolha, um estilo de vida. Não é uma obrigação , pois nem Cristo obrigou ninguém a nada: “quem quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, carregue sua Cruz e siga-me”; assim disse o Senhor. Portanto, é só para os que desejarem. Negar-se e carregar a Cruz têm o valor de renuncia. É isso q faz o cristão verdadeiro: renunciar aos procedimentos do mundo e adotar os procedimentos de Cristo. Aos que afirmam que Deus é amor, sim, Ele o é. Porém, Deus tb é verdade, justiça e juízo. Em outras palavras, Deus não toma parte com pecados, pois odeia o pecado, embora ame o pecador e ama de tal forma que foi à Cruz por nós, pecadores. É essa fé q nos obriga a mudar nossos procedimentos, porque o amor de Cristo nos constrange a isso. Não Sao as “Igrejas” ou denominações que o fazem, mas Cristo. Essa é uma decisão de cada um: Deus nos deu a liberdade de tomar decisões. Nos deu tb as diretrizes (O Evangelho de Cristo). Agora, é entre cada um e Deus. Para os que chamam a Bíblia de livro velho, digo-lhes que ela se renova a cada dia e , ainda assim, mantém-se fiel, porque o Deus q inspirou sua escrita é fiel e imutável. Ele nào vai mudar pra se adequar às nossas necessidades, simplesmente porque Ele é Deus, só por isso. Nós, porém, queremos distorcer ou tirar os créditos da Bíblia qdo Ela fere nossos interesses e acusa nosso modo equivocado de viver. Fica mais fácil critica-la do que fazer uma autocrítica ,rever nossos procedimentos e mudar (“negar-se a si mesmo”). Assim, o primeiro movimento é taxa-la de livro velho ,escrito e deturpado (mal traduzido ou coisa q o valha) por homens. Essa é a postura dos que preferem a superficialidade e o não comprometimento com as coisas de Deus. Assim, fica claro, segue a Bíblia aquele que a entende e reconhece em Cristo o Salvador. Afinal de contas, se a questão for “alienar-se”, nós cristãos preferimos nos “alienar” e SEPARAR para Deus.
    Qto ao “jugo desigual” , há uma forte recomendação do apóstolo Paulo, considerando nosso livre arbítrio e, claro, as consequências que teremos por nossas escolhas.
    Qto ao mais, meus irmãos, recomendo a todos nós o que está em Fp 4:Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas. (Filipenses 4:8 NVI)

  93. Rico Fernandes disse:

    Pessoal
    Boa tarde,
    Estou precisando fazer um trabalho sobre como era a sociedade e desigualdade na época de JESUS CRISTO mas não tenho o conhecimento necessário.
    Ja entrei em alguns sites mas não obtive o resultado esperado. Caso vcs possam me ajudar seria muito grato.

  94. Keuri disse:

    Eu acredito no amor, e quando o relacionamento tem JESUS no meio nada pode destruir, é preciso assumir um compromisso sério diante do Senhor, com intenção de casar.

  95. Rafael disse:

    Boa noite Gente tudo bem sou novo aqui até é a primeira vez que entro neste site e achei muito interessante mas claro não vim só por isso sou católico e namorava uma moça da igreja adventista e nos separamos por ela dizer do julgo desigual amo ela e não sei o que faço agradeço e uma boa noite….

  96. Larisa disse:

    Agora entendo o pq do não de Deus, quando Ele diz Não é pq quer nos poupar do sofrimento e não pq Ele seja um Deus preconceituoso ou autoritário,mas pq nos ama e quer nosso bem..antes pensava que namorar um não cristão era normal,mas passei por uma experiência e viu que realmente não dar certo,concerteza atrapalha nossa espiritualidade e nos afasta de Deus..agradeço a Deus por ter me libertado..

  97. Souza disse:

    A paz do Senhor. Compreendo que o julgo desigual é mal aos olhos do Senhor, mas falar pra se afastar de um não-cristão é muito fácil , quando não se tem um que não queira perder. Estou vivendo uma situação parecida e queria muito ajuda, pois a dor que estou sentindo em ter que deixar a pessoa que amo , está sendo muito grande. Estou disposta a tentar de tudo para traze-lo para a verdade. Só acho que quando o assunto tratado é sobre sentimento e amor, as respostas deveriam ser mais cautelosas. Aposto que Deus não quer me ver na situação em que me encontro hoje , mas eu sei que Ele está comigo, e colocou esta pessoa na minha vida, pois tem um propósito especial . Graça e paz

  98. silvimar disse:

    Devemos nos lembrar, que vivemos nu pais cristão, o incrédulo pode estar dentro da igreja, o que devemos fazer seguir a Cristo, e não sermos religiosos hípocritas.

  99. Lucas disse:

    Souza
    Não se afaste do não cristão, mas também não se case…
    A sua dor só está sendo grande pq vc está amando mais essa pessoa do que a Deus… Realmente Deus não quer te ver como vc está, Ele quer ver vc Feliz com alguém que Ele preparou, mas se vc concluiu dizendo que Deus está com vc e foi Ele q a colocou em sua vida, pois tem um proposito especial. Pq o desespero????

  100. Geraldo disse:

    Peraí, mas cadê a explicação do que é JULGO DESIGUAL.
    O autor citou um versiculo bíblico, fez um monte observações PESSOAIS.
    Ai fizeram um monte de comentários pessoais alienados.
    Mas o que é JULGO DESIGUAL.
    E ai, cadê a exegese, a coerência e a coesão do texto????
    Vocês estão brincando né? ???
    Até no dicionário têm isso!!!

  101. germano disse:

    Geraldo,
    .
    1) Não é “julgo”; é “jugo”.
    .
    2) Leia novamente com atenção. É exatamente o que significa jugo desigual que o texto explica.

  102. André disse:

    Casei com uma pessoa não crista a pouco tempo, agora divorcio. Erro maldito.

  103. Daani disse:

    namorar uma pessoa que não é da mesma religião é Jugo desigual ?

  104. Aline vel disse:

    Nanorei por 3 meses uma pessoa umbandista,mas sempre fui católica e comecei a namorar ele sabendo q ele era da umbanda, comecei a ter comunhão com Deus e até me confessei,pedi clareza para o padre e enfim,larguei dele,estou sofrendo muito,mas quando fui abrir a bíblia pedindo discernimento, eu li exatamente esse versículo Sr Germano e me arrepiei pq mai uma vez foi confirmação,. ” Que comunhão tem a luz com ad tresvas?? Só q estou me sentindo culpada e fracassada,ele falou q era pretexto pra largar. Já não sei se era coisa do divino Pai eterni ou se era do diabo. Mr esclareça por favor se fuz bem ou se fui ignorante nessa parte de largar dele.
    Saiu algumas palavras erradas mas é pq foi d cel e não enxergo muito bem rsrs

  105. Maria de Fatima disse:

    Estou lendo estes relatos do julgo desigual, namoro uma pessoa há 4 meses ele tem 59 anos e eu 52, sou divorciada e ele viuvo. Ele fala em casar, mas tem um porem eu sou espirita e ele evangelico, e ele diz que eu pertenço a religião do demonio, sempre conversamos sobre o julgo desigual, pois ele so casa se eu deixar o espiritismo, eu a amo muito e sempre falo que o que conta é o amor, a Fé em DEUS e que DEUS jamais irá nos desprezar por sermos de religião diferente. Não moramos juntos ainda, o que faço?

  106. germano disse:

    Maria de Fátima,
    .
    Por favor, leia a Bíblia. Comece pelo evangelho de João.

  107. Maria de Fatima disse:

    Obrigado Sr. Germano,pela dica, ainda bem que não fui criticada.
    Namaste
    Fatima Noronha

  108. lemos disse:

    Bom estou mega apaixonada por um capaz que é evangélico mais sou de outra religião e ele diz q me ama mais ñ pode ficar comigo por ser julgo desigual …
    Não acho isso legal ficamos os dois infelizes .

  109. Paulo disse:

    Olá pessoal, mais um novato na área. Quando o assunto é a bíblia e Jesus, sempre haverá grande discussão sobre os o temo a ser abordado.
    Jugo desigual não poderia ser diferente; vou contar um breve relato sobre minha vida e gostaria de algumas opiniões também, pois bem, sou cristão há mais de seis anos, durante esse os quatro primeiros anos namorei uma moça católica de berço, e eu cristão evangélico, ela com projeto de crianças na igreja católica e eu firme na minha, tinha certeza que não chegaríamos a lugar algum, com tantos desentendimentos e incompatibilidade em eu não aceitar e ela não aceitar nossos estilo, de vida onde aos domingos um ir pra uma igreja e o outro pra outra. Não deu outra, acabamos terminando, o tempo passou e eu continuei minha vida, até um ano e alguns meses atrás, conhecer uma moça, muito bonita, simpática, educada que logo me encheu os olhos e o coração de amor, ao falar que também tinha entregado sua vida pra cristo há alguns anos atrás aquilo muito me deixou animando e crente que tinha encontrado a mulher da minha vida, até chegar às atribulações do fato dela ter dois filhos de um relacionamento que não deu muito certo, pensei eu mais um problema?! Ao me falar um pouco de sua vida, me disse que quando criança os pais brigavam muito, e não aguentava tantas humilhações, fugiu de casa pra morar numa grande metrópole aos dezesseis anos, morando de favor com parentes e devido a pouco ou nem uma experiência de vida, acabou se envolvendo um rapaz até então muito bom, depois de bonzinho pra vida de drogado e ao perceber isso já se encontrava grávida do primeiro filhos, novamente se encontrava na situação da mãe, sendo agredida tinha que trabalhar pra sustentar o filho e o marido drogado, um ano depois, o segundo filho e segundo ela pensou em se suicidar, mas pensou no filho e seguiu a vida, o tempo passou e não teve outro jeito, não aguentou os sofrimentos longe da família voltou com duas crianças no braço, e sem o pai dos filhos, batalhou e continua tendo uma vida muito agitada coitada pra sustentar dois filhos sozinha, hoje eles tem 8, 9 anos. Resolvi-me da uma chance e comecei a namorar ela, tudo dentro de um relacionamento cristão, mas logo me veios as atribulações sobre como construir uma família dentro de outra família, me sinto atribulado por isso, mesmo sabendo que ela me ama, e eu não posso deixar de dizer o mesmo, mas sendo cauteloso e pensativo, e me perguntando; estarei eu num jugo desigual?
    Obrigado pessoal, Deus abençoe grandemente suas vidas.

  110. Sara disse:

    Bom dia.
    Sou evangélica de berço, amo a Deus de todo meu coração e creio SIM que a palavra de Deus e verdadeira, mesmo tendo sido escrita a mais de 2000 mil anos atras, creio sim que ela é a verdadeira palavra de Deus e seus sagrados mandamentos para nos guiar á uma vida eterna com ele. Por mais antiga que seja a biblia e fato q la encotramos regras sim e mandamentos sim e conselhos sim para todas as areas da nossa vida pois ela é uma carta viva e suas interpretações se renovam a cada dia, pq é o Espirito Santo de Deus quem nos da a interpretação da palavra, o mesmo Espirito Santo que inspirou os servos de Deus que escreveram a biblia. Eu estou c um rapaz catolico á sete anos, e temos um otimo relacionamento, porém as vezes sinto-me triste por ir a igreja sozinha, participar dos eventos sozinha, jejuar, buscar as coisas de Deus p nossa vida e relacionamento sozinha.
    Eu acredito sim que o julgo desigual entre um casal, ou para seu ministério ou vc vai caminhar sozinha na jornada espiritual. Não vai ter um companheiro que se vc fraquejar, desanimar ou cair espiritualmente vai poder te dar a mão e te levantar, te ajudar a caminha, pois por mais que os catolicos tenha a Deus e a Jesus como Senhor assim como os evangelicos, tem suas doutrinas, costume e ponto de vista diferentes, por tanto se vc ainda é solteiro eu aconselho que ore a Deus e espere nele um companheiro para sua vida, pois um casamento é sagrado e é para a vida toda.
    E mais importante ainda do que tudo isto, na palavra de Deus diz que quem amar, pai, mãe, filho, marido, dinheiro ou qualquer coisa mais do que á Deus, não é digno Dele, e amar a Deus é obedecer seus mandamentos.

    A paz do Senhor a Todos e que o Espirito Santo de Deus o ilumine e dê o entendimento a cada um que buscar.


Comente!

(*)Campos de preenchimento obrigatório