Todo Cristão tem o direito e o dever de interpretar as Escrituras por si mesmo. A Bíblia é inspirada por Deus e continua sendo a Palavra de Deus mesmo tendo sido escrita por escritores humanos. O tempo e o lugar em que cada livro foi escrito precisa ser levado em conta para que se obtenha uma correta interpretação do texto. Quando entendemos o contexto histórico, as condições do autor e a quem se dirigia o livro, conseguimos entender a mensagem ali transmitida.  Jesus afirma em João 5:39:

Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;

E Paulo afirma em 2 Timóteo 3:16:

Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça.

Esta carta foi a última escrita por Paulo na ocasião em que foi preso pela segunda vez em Roma.

Devemos orar para que o Espírito Santo nos dê amor pela Palavra de Deus e o discernimento necessário para a correta interpretação do texto bíblico. Afinal de contas, o Cristão comprometido “maneja bem a palavra da verdade”, conforme 2 Timóteo 2:15.

Deus os abençoe. Paz!

Germano Luiz Ourique


Comentários:


  1. Amém e que assim seja, que nós possamos repassar e entender a palavra de Deus para que aprendamos uns com os outros a melhor maneira de seguir a Jesus!!!

  2. Amém, e que nós possamos passas uns as outro a palavra de Deus para que todos tomem conhecimento dela :P

  3. Monique Reis disse:

    Algumas passagens me parecem tão difíceis de entender… espero que Deus um dia me dê o discernimento necessário.


Comente!

(*)Campos de preenchimento obrigatório