Olá, pessoal.  Fiquem à vontade para perguntar através do Formspring sempre que quiserem e, se preferirem, podem perguntar anonimamente.


Sabe,vejo pessoas comentando que pagamos pelo mal que nossos pais comenteram no passado,isso é verdade??

Em Ex 20:5b Deus diz: visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam. Mas isso foi no AT, outra época, outra realidade. Jesus Cristo nos trouxe o Evangelho da Graça. Que não anula a Lei, mas traz a Nova Aliança, onde o próprio Jesus diz em Marcos 3:28 – Na verdade vos digo que todos os pecados serão perdoados aos filhos dos homens, e toda a sorte de blasfêmias, com que blasfemarem;- Temos que nos preocupar é com os NOSSOS pecados. Esses sim, vão nos condenar no dia do Juízo. Veja Ap 20:11-15


Por que todo católico é um pouco espirita tbm?

Afirmar que todo católico é um pouco espírita é uma generalização perigosa. A Igreja Católica tem a tradição como fundamento da sua doutrina, e toma posições ecumênicas ligando-se a outras religiões. Isto abre aos católicos a possibilidade de entenderem que é normal fazer “visitas” a outras religiões. A Bíblia nos ensina que devemos culto unicamente a Deus e nossa relação com Jesus Cristo é “pessoal e intransferível”.


Como vc seleciona os versículos divulgados diariamente?

Primeiro, versículos com menos de 140 caracteres. Nos versículos com mais que 140 caracteres, seleciono a parte “A” ou “B” do versículo desde que faça sentido por si só. O critério para NT ou AT ou ainda qual o livro para escolher os versículos é aleatório, ou seja, totalmente ao acaso. A Bíblia tem mais de 30 mil versículos. É muito conteúdo.


Aquele ensinamento de que devemos comungar pelo menos no domingo, da páscoa do senhor, é biblico ou é da igreja católica?

É tradição da Igreja Católica.


Ainda sobre 1ª Coríntios 11:27, Ja ouvi pessoas dizerem que não se comungaram por não se acharem dignas, pois durante o dia não se comportaram bem, isso faz sentido com a carta, ou eles distorceram?

No versículo seguinte, em I Corintios 11:28, diz: Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice. Precisamos, portanto, nos arrepender dos nossos pecados e pedir perdão a Deus. É essa a atitude que nos torna dignos de comer o pão e beber do cálice.



Pessoal, estou colocando aqui algumas perguntas respondidas no Formspring do Leia a Bíblia. As perguntas e respostas serão postadas aqui duas vezes por semana sempre na terça e na quinta-feira. Fiquem à vontade para perguntar através do Formspring sempre que quiserem e, se a pergunta exigir, vocês podem inclusive perguntar anonimamente.


“O que falar para aqueles que afirmam que se pode beber?”

Beber pode, não devemos é nos embriagar. Um copo de vinho com algumas refeições inclusive, é muito saudável.


“O que dizer para aqueles que não creem na bíblia?”

Quer saber? Ore por eles. Falar não vai adiantar muito mesmo. Quem tem que fazer o trabalho nesse caso é o Espírito Santo de Deus. Ore e fale com quem pode fazer o que nós não podemos. :)


“Vc passa o dia todo no twitter? Tipo tem mt forms teu.”

O dia todo não. Os versículos são programados.


“Como surgiu a idéia do blog e de twittar versículos todo o dia?!?”

O Twitter foi uma tentativa de divulgar a Bíblia de uma forma que as pessoas pudessem estar em contato constante e que não fosse cansativa. O blog, que tem dois dias no ar, porque muitas pessoas perguntam e tem interesse sobre muitos assuntos, e no Twitter são só 140 caracteres. E o Formspring, pq às vezes 140 caracteres não são suficientes para responder. Paz!


“O que significa  1ª Coríntios 11:27”

Paulo está explicando à Igreja de Corinto a importância de celebrar a Santa Ceia com dignidade e reverência. A Igreja de Cortinto, àquela época (hoje não é muito diferente), além de passar por problemas de dissensões entre os membros, passava também por problemas de ordem moral. E a Ceia não estava sendo celebrada com o devido respeito. Por isso Paulo alerta aos irmãos que celebrar a Ceia como quem faz uma refeição e cada um na hora que bem entende (veja os v. 21-22) isso nos torna culpados pelo sacrifício de Jesus Cristo, pois teria sido em vão. Celebrar a Ceia indignamente é invalidar o que Jesus passou na cruz por nós. Paz!