O apóstolo João escreveu que “todo aquele que ultrapassa a doutrina de Cristo e nela não permanece não tem Deus; o que permanece na doutrina, esse tem tanto o Pai como o Filho” (2 Jo 1:9). Jesus disse: “Eu e o Pai somos um” (Jo 10:30), portanto a “doutrina de Cristo” inclui confessar que só tem a Deus quem tem o Pai e o Filho. Paulo a chama de “sã doutrina” em 1 Timóteo 1:1 e 6:3, e acrescenta que a recebeu, não de homens, mas do Senhor juntamente com a revelação do que é a Igreja.

Muitos se gabam de receber novas revelações, mas são falsos profetas, “homens que torcem a verdade, a fim de atrair os discípulos” (At 20:29). Ultrapassar a doutrina de Cristo é ir além do que Deus revelou em sua Palavra, inclusive negando a graça de Deus e o sacrifício expiatório de Jesus, e pregando uma salvação por obras, religião ou pela guarda da Lei de Moisés. Aos cristãos da Galácia, influenciados por judaizantes que pregavam a salvação pela guarda da Lei, Paulo escreveu: “Algumas pessoas os estão perturbando, querendo perverter o evangelho de Cristo. Mas ainda que nós ou um anjo do céu pregue um evangelho diferente daquele que lhes pregamos, que seja amaldiçoado!” (Gl 1:6-8). Continue lendo »


Sou evangélica e não acredito em santos, mas queria saber se na Bíblia tem alguma passagem falando sobre isso…

Depende do que você chama de “santos”. Biblicamente, santos são todas as pessoas salvas e que fazem parte da Igreja, a Noiva de Cristo, espalhados por todo o mundo, incluindo aqueles que já morreram desde o primeiro século, quando a Igreja foi fundada por Jesus. Se os “santos” aos quais você se refere são aqueles canonizados pela igreja católica, isso não tem nenhuma base bíblica.

.

Matheus 19, pode haver divórcio e casar-se novamente?

Somente em caso de adultério: Mateus 19:9 – “Eu vos digo, porém, que qualquer que repudiar sua mulher, não sendo por causa de fornicação, e casar com outra, comete adultério; e o que casar com a repudiada também comete adultério.”

.

O que você tem a dizer de uma pessoa que esta afastada da Casa do Senhor?

Não existe mais casa do Senhor:

Atos 17:24 – “O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens;” Continue lendo »


Todos nós temos uma ou outra deficiência. Algumas são visíveis, outras apenas o Senhor conhece; podem ser resultantes de responsabilidades familiares, outras são fardos mentais ou emocionais. Ninguém é perfeito e ninguém está livre de fardos. A questão não é se tenho alguma deficiência, mas o que ela está me causando?

De uma certa forma nós achamos que as pessoas da Bíblia eram pessoas especiais, diferentes de nós hoje, mas não é assim. Quase todos aqueles que você encontra nas páginas das Escrituras tiveram que superar uma deficiência antes de terem sido usados por Deus. Em mais de um caso Deus deliberadamente deu deficiências a crentes, e foi isso que os capacitou. Continue lendo »


Jesus alerta seus discípulos contra os que declaram ser o Cristo. As mesmas instruções aparecem no Evangelho de Mateus falando de “falsos cristos e falsos profetas”. Mas não é preciso alguém chegar ao ponto de declarar ser Jesus para estar “sob o poder do Maligno” (1 Jo 5:19). Basta negar a encarnação do Filho de Deus, como explica o apóstolo João:

“Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo. Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus; mas todo espírito que não confessa a Jesus não procede de Deus. Esse é o espírito do anticristo, acerca do qual vocês ouviram que está vindo, e agora já está no mundo” (1 Jo 4:1).

Ele não diz que os que são de Deus confessam “que Jesus Cristo nasceu, mas “que Jesus Cristo veio em carne. Que ele nasceu todos sabemos, mas apenas quem crê que ele é Deus e Homem confessa que ele “veio em carne”. Isto significa reconhecer sua divindade e preexistência eterna antes de assumir a forma humana. Continue lendo »