“Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus. E agora, na verdade, sei que todos vós, por quem passei pregando o reino de Deus, não vereis mais o meu rosto. Portanto, no dia de hoje, vos protesto que estou limpo do sangue de todos. Porque nunca deixei de vos anunciar todo o conselho de Deus”. Atos 20:24-27

Quando o apóstolo Paulo faz um resumo de seu ministério diante dos anciãos de Éfeso, ele parece dividi-lo em três partes. Ele lhes pregou o “evangelho da graça de Deus”. Este tem sido também o primeiro grande assunto de meu ministério. Mas então ele fala de ter passado entre eles — referindo-se ao círculo dos santos — “pregando o reino de Deus”. Em terceiro lugar ele fala de sua fidelidade em nunca deixar de “anunciar todo o conselho de Deus”. Temos o Evangelho de Deus e o Conselho de Deus, e não devemos omitir o que vem entre um e outro, o Reino de Deus.

O Reino de Deus não significa apenas que o rejeitado Jesus é por direito o Rei, e que está chegando a hora em que Ele irá assumir o Seu trono, mas o ponto é que por onde quer que Paulo andasse entre os santos ele tomava o cuidado de mostrar a interconexão da verdade que apresentava. O que ele queria dizer aos irmãos era que eles tinham sido introduzidos no reino divino por um nascimento divino e estavam agora sob uma lei divina, a influência de Deus que havia sido estabelecida em seus corações e que significava isto e aquilo e aquilo outro. Ele lhes mostrava o significado. Continue lendo »


Autor: O Livro de 2 Samuel não identifica o seu autor. Não pode ser o profeta Samuel já que ele morreu em 1 Samuel. Possíveis escritores incluem Natã e Gade (veja 1 Crônicas 29:29).

Quando foi escrito: Originalmente, os livros de 1 e 2 Samuel eram um só livro. Os tradutores da Septuaginta os separaram e temos mantido essa divisão deste então. Os acontecimentos de 1 Samuel ocorreram ao longo de aproximadamente 100 anos, entre 1100 AC até 1000 AC. Os acontecimentos de 2 Samuel abrangem mais 40 anos. O livro foi escrito, então, algum tempo depois de 960 AC.

Propósito: 2 Samuel é o registro do reinado do Rei Davi. Este livro coloca a aliança davídica no seu contexto histórico.

Versículos-chave: “Porém a tua casa e o teu reino serão firmados para sempre diante de ti; teu trono será estabelecido para sempre” (2 Samuel 7:16).

“Tendo o rei coberto o rosto, exclamava em alta voz: Meu filho Absalão, Absalão, meu filho, meu filho!” (2 Samuel 19:4).

“E disse: O SENHOR é a minha rocha, a minha cidadela, o meu libertador; o meu Deus, o meu rochedo em que me refugio; o meu escudo, a força da minha salvação, o meu baluarte e o meu refúgio. Ó Deus, da violência tu me salvas. Invoco o SENHOR, digno de ser louvado, e serei salvo dos meus inimigos” (2 Samuel 22:2-4). Continue lendo »


A Palavra de Deus é bem clara quanto a esta questão: “Todavia, aos casados mando, não eu mas o Senhor, que a mulher não se aparte do marido. Se, porém, se apartar, que fique sem casar, ou que se reconcilie com o marido; e que o marido não deixe a mulher.” (1 Co 7:10-11). Este versículo mostra que uma pessoa que crê no Senhor Jesus e é casada não deve deixar seu cônjuge, porém ao mesmo tempo mostra o que fazer caso essa separação ocorra: “Que fique sem casar”. Podemos criar mil desculpas para passar por cima desta ordem, mas não existe felicidade na desobediência à Palavra de Deus e sugiro a leitura deste trecho de um artigo de Gordon Hayhoe com o título “O Amigo e as coisas que nunca mudam”:

“Então chegaram ao pé dele os fariseus, tentando-O, e dizendo-lhe: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo? Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez, e disse: Portanto deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto o que Deus ajuntou não o separe o homem… Eu vos digo, porém, que qualquer que repudiar sua mulher, não sendo por causa de prostituição, e casar com outra, comete adultério; e o que casar com a repudiada também comete adultério.” (Mt 19:3-6, 9).

Creio que estas coisas estão escritas na Palavra de Deus como uma mensagem para nós da importância do matrimônio e da solenidade da união matrimonial. Continue lendo »


A Paz do Senhor, irmão Germano. Estou com uma dúvida. Se Deus sabe tudo que aconteceu, acontece e acontecerá, porquê ele não parou Adão e Eva ou impediu que a serpente fizesse o que fez?

Porque aí Ele não seria Deus, e sim um tirano que não nos deu liberdade. Adão e Eva e são uma figura de Cristo e sua Noiva, a Igreja. Deus nos deu a Sua Palavra para que compreendessemos o Seu plano de salvação em Jesus Cristo, que é o personagem central da Bíblia. “No entanto, a morte reinou desde Adão até Moisés, até sobre aqueles que não tinham pecado à semelhança da transgressão de Adão, O QUAL É A FIGURA DAQUELE QUE HAVIA DE VIR.” Romanos 5:14


Sou muito tímida, pra tudo.. ser tímida é algo que desagrade a Deus? Antes eu nem falava direito, hoje eu ja me solto um pouco mais.

Se você se refere a Apocalipse 21:8 – “Mas, quanto aos TÍMIDOS, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.”, timidez aqui se refere àqueles que são covardes em aceitar o evangelho e a Jesus Cristo como Senhor e Salvador. O que significa dizer que ninguém será condenado por possuir essa característica pessoal de timidez.


Estava lendo João e lá falava de pecados que levam a morte, e pecados que não levam a morte. O que seria isso?

Na Bíblia são mencionados os pecados que são para morte e os que não são para morte. Todo pecado é transgressão diante de Deus, mas nem todo pecado é igual aos olhos de Deus. O pecado tem gradação, como se vê nas seguintes expressões bíblicas: “grande pecado” (Êx 32.30,31; 1 Sm 2.17; Sl 25.11; Am 5.12); “maior pecado” (Jo 19.11); “muito grande pecado” (1 Sm 2.17; 2 Sm 24.10 com 1 Cr 21.8,17); “muitos pecados” (Lc 7.47); “multidão de pecados” e “multiplicar pecados” (Ez 16.51; Os 13.2; Tg 5.20). Continue lendo »