“Nós o amamos a ele porque ele nos amou primeiro.” I João 4:19

Muitos acreditam que Deus exige obediência e adoração de Seus fiéis por depender destas coisas para continuar sendo Deus. O que tais pessoas não levam em consideração é que nós sim dependemos de adorá-Lo e obedecê-Lo, do contrário nos transformamos em seres frustrados e infelizes.

A vasta maioria das pessoas sente a necessidade de adorar algo e em nossa natureza caída muitos optam por tentar substituir Deus por qualquer outra coisa: objetos, trabalho ou até mesmo outra pessoa. O resultado é devastador e se ainda não o foi será no Dia do Juízo.

Tal necessidade que temos de amar algo (ou alguém) em primeiro lugar deriva da voluntária e instintiva sede que temos por Cristo mesmo que ainda sejamos inconscientes deste fato. Portanto, glorificado seja Deus por nos permitir amá-Lo acima de todas as coisas! Além de ser a melhor experiência que podemos ter, isto nos permite ter todas as áreas de nossas vidas preenchidas pela Sua sabedoria e direção, pois sabemos que estamos confiando e amando acima de todas as coisas somente aquEle que é digno de tal. Continue lendo »


Para entender o que diz o versículo 3 do capítulo 13 de João — que Jesus “viera de Deus e estava voltando para Deus” — veja o que Paulo escreveu aos Filipenses: “Cristo Jesus, que, embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia apegar-se” (Fp 2:5-6). Outra tradução diz “não teve por usurpação ser igual a Deus”. O que significa?

Jesus foi, é, e sempre será Deus em todos os aspectos da sua Pessoa. Este é o significado de ser igual. Mas é preciso distinguir entre a pessoa e a posição que ocupa. Para nos salvar, Jesus não considerou que a posição que ocupava na glória era algo de que não poderia abrir mão. Assim ele deixou a posição que ocupava, sem deixar de ser quem sempre foi: o “verdadeiro Deus”, como diz João em sua epístola (1 Jo 5:20).

Ao chegar em casa um policial tira seu uniforme, despindo-se de sua posição oficial sem perder sua natureza humana. Ao vir ao mundo na condição de homem, Jesus despiu-se de sua posição excelsa para assumir a posição de um servo, porém sem perder sua natureza divina. Continue lendo »


É errado pedir a Deus: Fé, humildade, surgir o verdadeiro amor por ele. Como posso saber que realmente amo Ele, e não aceitei ele como muitos por causa de prosperidade, ou pra não ir pro inferno ou pra ser feliz aqui. Posso pedir essas coisas?

Quando mais nada importar além de Deus, você realmente O ama. Você pode pedir qualquer coisa.

.

Há problemas em utilizar a Bíblia NVI? Eu havia começado a ler a Bíblia por esta tradução, pois considero a linguagem dela mais simples. Eu pesquisei sobre ela e há muitas críticas, porém todas sem imparcialidade. Muito obrigado desde já pela resposta.

Não há problema. Ore sempre antes de ler.

.

Porque existem pessoas que praticam sempre o pecado, mais tem de tudo, são felizes etc…?

Só quem tem Jesus tem tudo. Ele é TUDO. Continue lendo »


O capítulo 13 começa falando do amor que Jesus tinha por seus discípulos, e continuaria tendo até terminar o que veio fazer aqui. Costumamos ler a Bíblia para encontrar nela o que devemos fazer para Deus, quando o seu principal objetivo é mostrar o que Deus fez por nós.

O versículo 3 diz que “Jesus sabia que o Pai havia colocado todas as coisas debaixo do seu poder, e que viera de Deus e estava voltando para Deus”. Acaso você conhece mais alguém em cujas mãos Deus tenha depositado todas as coisas? Se Deus colocou nas mãos de Jesus todas as coisas, isso inclui também o destino do mundo e das pessoas. E você é uma delas.

Jesus veio ao mundo com dois objetivos em mente. Um foi o de resolver a questão do pecado que arruinou a Criação e poderia manchar a reputação de Deus. A glória de Deus estava em jogo, e isso precisava ser resolvido. Neste sentido amplo de sua morte, Jesus é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo pelo sacrifício de si mesmo.

O outro objetivo era salvar você por intermédio do mesmo sacrifício. Entenda que o Cordeiro de Deus morreu para tirar o pecado do mundo, e a palavra pecado aqui é singular. Mas ele morreu também para levar sobre si os pecados daqueles que creem nele, e pecados aqui é plural. A obra de Cristo é universal, mas o perdão é individual. Somente os que creem em Jesus podem desfrutar do perdão de seus pecados. Continue lendo »